Francisco Eloecio pede que governo atenda demandas da comunidade e construa anfiteatro municipal

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Vereador Francisco Eloecio

Com duas indicações apresentadas na reabertura dos trabalhos legislativos do segundo semestre deste ano, ocorrida na última terça-feira (3), o vereador Francisco Eloecio (Republicanos) pediu ao governo municipal que atenda às demandas exigidas pelos moradores do Bairro Bom Jesus II (Indicação nº 471/2021) e construa um anfiteatro municipal (Indicação nº 472/2021).

Demandas de moradores


Na justificativa deste pedido, o parlamentar explica que a falta de pavimentação asfáltica no Bairro Bom Jesus II, localizado na região da VS-10, é a principal dificuldade enfrentada pelos moradores, pois o logradouro se encontra em condições inadequadas, com muitas ruas inacessíveis, por falta de asfalto.

“Entendendo a importância e necessidade de atender à demanda e solicitação feita pelos moradores do Bairro Bom Jesus II, sendo ela a pavimentação asfáltica com drenagem adequada, submeto a presente iniciativa à Casa de Leis, esperando, por fim, sua aprovação”, pede Francisco Eloecio.

Anfiteatro municipal

Para justificar o pedido de construção do anfiteatro, o legislador informa que o objetivo do espaço é aprimorar a cultura, por meio das artes cênicas, danças, peças teatrais e outras formas de expressão cultural no município.

Segundo o vereador, existe um grande percentual de artistas que preferem sair do município por conta da falta de estrutura e oportunidades na cidade. Por este motivo, ele apresenta a indicação, com o objetivo de dar maior apoio aos artistas que buscam viver pelos seus serviços que tanto amam.

“A criação de um anfiteatro na cidade tem como objetivo dar mais incentivo e exposição para os artistas”, justifica Francisco Eloecio, adicionando que a amplitude da criação do local é enorme, “pois poderão ser desenvolvidas competições de várias modalidades culturais, como dança, teatro, música e outras atividades”.

Depois de serem lidas em plenário, as duas proposições foram aprovadas pelos demais vereadores, e agora elas serão encaminhadas para serem avaliadas pelo governo municipal.

 

veja também