Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Fundação Vale redireciona Ciclo Saúde para o combate à Covid-19

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Fundação Vale redirecionou o foco do projeto Ciclo Saúde nos quatro municípios paraenses onde está atuando com o programa. A proposta de revisão tem como objetivo fortalecer a gestão das 24 Unidades Básicas de Saúde (UBS), localizadas em Bom Jesus do Tocantins, Canaã dos Carajás, Curionópolis e Eldorado do Carajás e reforçar as ações de enfrentamento a pandemia do novo coronavírus.

Com a revisão, os equipamentos e insumos disponibilizados serão específicos para identificação e tratamento de pacientes infectados pelo novo coronavírus e para proteção dos profissionais das UBS, além de pacientes e acompanhantes. O investimento total da Fundação Vale para apoiar a gestão de 280 UBS nos estado do Pará, Maranhão, Minas Gerais e Espírito Santo, será de R$ 2.8 milhões em seis meses, com a entrega planejada de mais de 760 mil insumos e mais de 6.900 materiais e equipamentos.


“A Fundação Vale tem atuado em consonância com as orientações da Organização Mundial de Saúde para contribuir com o enfrentamento da pandemia. Como a Atenção Básica é o principal acesso aos serviços de Saúde para maioria da população, a área se torna ainda mais estratégica neste momento”, Pâmella De-Cnop, gerente da Fundação Vale.

Mesmo com o novo foco direcionado a iniciativas relacionadas à Covid-19, a proposta mantém o modelo de cooperação técnica para qualificação de equipes de Estratégia de Saúde da Família e o fornecimento de equipamentos que propiciem o aperfeiçoamento do diagnóstico e da prática clínica.

O novo direcionamento do programa prevê no eixo de apoio à gestão das UBS: disponibilização de informes produzidos por equipe técnica especializada; validação de protocolos; e tratamento de dados que podem dar suporte ao gestor, como a elaboração de mapas temáticos. No eixo de equipamentos e insumos, a distribuição de itens iniciou este mês, após pactuação conforme as necessidades dos municípios. Entre os itens estão oxímetros portáteis com sensor adulto e pediátrico, termômetro infravermelho, equipamentos de proteção individual (EPIs) como máscaras N95, FFP2 ou similares e luvas, a serem entregues de acordo com a disponibilidade de fornecedores médico-hospitalares.

O redirecionamento tomado pela Fundação Vale se soma à série de iniciativas realizadas pela Vale para apoiar o Governo e os municípios no combate à pandemia da Covid-19. No Pará, a Vale  doou 5,4 milhões itens de equipamentos de proteção individual para os profissionais que atuam na linha de frente nos hospitais e ao Governo do Estado. A empresa ajudou também na implantação de um hospital de campanha em Parauapebas, reformou uma nova ala do hospital público no mesmo município para atendimento a pacientes da Covid, além de ter doado mais de 390 equipamentos hospitalares para quatro hospitais da região, sendo dois em Parauapebas e dois em Canaã dos Carajás entre outras ações.

Sobre o Ciclo Saúde

Voltado ao fortalecimento da Atenção Básica desde sua criação, em 2014, o Programa Ciclo Saúde é uma iniciativa da Fundação Vale, em parceria técnica com o Centro de Promoção da Saúde (CEDAPS) e o Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família da Estácio de Sá

Publicidade

Veja
Também