Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Homem esquarteja e come carne dos corpos de companheira e doméstica em Breu Branco

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Na manhã deste domingo (10), ele também confessou ter matado e esquartejado sua companheira, que era a proprietária da casa onde morava, e que também a enterrou em diversos pontos do quintal da casa.

Rafael deverá ser transferido para o Centro de Recuperação Regional de Tucuruí (CRRT), onde ficará encarcerado, aguardando a elucidação dos crimes.


ENTENDA O CASO
A doméstica desapareceu na última quinta-feira (06). Segundo depoimentos, Maria foi vista pela última vez em um bar da cidade, em companhia do próprio Rafael. Após investigações, a Polícia Civil encontrou na residência do suspeito um lençol com marcas de sangue em uma corda no quintal.
Haviam gotas de sangue humano em outros pontos da casa também, além de uma “gordura” no chão. Os peritos encontraram ainda, em um ponto do quintal, areia remexida recentemente, e em um cômodo da casa, ferramentas, tais como enxada, pá e draga – ainda sujas de barro.

suspeito-esquarteja-e-come-companheira-e-domestica-coracao-10-05-2015-10-21-21

Ensacados, o coração e outros órgãos da doméstica foram encontrados no congelador da geladeira de Rafael, o que levou a polícia a crer que ele deve ter se alimentado com as carnes das vítimas.

Com as evidências, Rafael confessou o crime, mas culpou sua companheira, que é a dona da casa onde morava, e havia dito que teria viajado na noite de sexta-feira (08) para Belém, com medo de ser presa.

No entanto, confessou o outro assassinato. A hipótese é de que em ambos os casos Rafael tenha retirado a carne das vítimas, cortado e depositado o restante em uma cova rasa no fundo do quintal.

Os familiares de Maria Zélia estiveram no IML de Tucuruí e reconheceram o corpo, que foi conduzido para o velório e sepultamento.

Reportagem e fotos: Wellington Hugles

Publicidade

Veja
Também