Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Imprudência no trânsito pode ter custado a vida de funcionário da Vale na PA-275

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Ronaldo Teixeira de Souza que tinha 34 anos de idade e a há um ano e meio trabalhava na mineradora Vale, pode ter sido vítima de uma imprudência que custou a sua vida. O acidente foi registrado ontem (19), por volta das 21h30 na PA-275, num trecho entre Eldorado do Carajás e Curionópolis, sudeste paraense.

A equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar conversou com Risonildo Borges de Souza, irmão da vítima fatal, que detalhou como Ronaldo Teixeira acabou perdendo a vida no acidente de trânsito.


“Eu não estava no local, mas testemunhas afirmaram que uma camionete L200 de cor verde estava vindo em uma vicinal da Pedra Furada, porém, ao chegar no cruzamento com a PA-275, não reduziu a velocidade, não deu nenhum tipo de sinal alertando que iria entrar na rodovia e acabou fazendo com que a moto que meu irmão estava colidisse em cheio com o carro que nem se quer estava com o farol ligado”, relatou o Risonildo, afirmando ainda que momentos após o acidente, o motorista da camionete colocou o carro para outro lado e fugiu sem prestar nenhum tipo de socorro.

De família bastante conhecida em Curionópolis, onde morava, Ronaldo Teixeira era muito querido, tendo inclusive já trabalhado como mototaxista e segurança no Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN).

Agora, a Polícia Civil cuida do caso e em breve o resultado da perícia será divulgado para ajudar nas investigações.

Publicidade

Veja
Também