Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Infraestrutura volta a ser discutida na Câmara de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A infraestrutura do município sempre é tema dos debates na Câmara Municipal de Parauapebas e diversas solicitações já foram aprovadas na Casa visando melhor qualidade estrutural para a comunidade. Na Sessão Ordinária desta terça-feira, 22, o assunto voltou a ser discutido pelos parlamentares.

O vereador Bruno Soares (PP) pediu ao Poder Executivo (Requerimento n° 113/2013) a implantação de rede de esgoto e recuperação asfáltica do Bairro Novo Brasil. De acordo com o parlamentar as ruas no local estão completamente esburacadas. “É complicado até para o transporte público chegar ao bairro, já que a quantidade de buracos é muito grande, e em sua maioria gerada pelo acumulo de esgoto em determinados pontos. Precisamos oferecer a esta população o direito a infraestrutura”, disse Bruno.


Bruno Soares também pediu (Requerimento n° 114/2013) a análise da qualidade de água das caixas d’água e bebedouros de todas as escolas públicas e unidades de saúde pela vigilância sanitária. Segundo o vereador algumas crianças passaram mal na Escola Faruk Salmen e ao ser emitido o parecer técnico pelo SAAEP – Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas – constatou-se contaminação na água. “Foi observado que na água havia teores de cloro e outras substâncias, não atendendo ao parâmetro estabelecido pelo Ministério da Saúde por meio da Portaria n°2.914/2011. O parecer concluiu que o problema foi causado por falta de higienização da caixa d’água e do bebedouro”, explicou o vereador. Ele ainda ressaltou que a falta de limpeza constante nos reservatórios de água pode causar gastroenterite, meningite, apendicite e infecção urinária, por isso faz-se necessária a manutenção de todo o meio de armazenagem.

O vereador José Francisco Amaral Pavão (SDD) indicou (n° 175/2013) ao Executivo a limpeza constante, pavimentação e saneamento da área em frente à Chácara do Sol, entre as Ruas 11 e 8. O vereador contou que a situação no local coloca em risco a saúde e a segurança dos moradores. “São inúmeros focos de dengue, ratos e entulhos. E este pedido não é apenas meu, é um apelo dos moradores”, contou Pavão.

A construção de uma passarela elevada na PA 160, dando acesso do bairro Habitar Feliz II ao Habitar Feliz I foi à solicitação (Indicação 177/2013) do vereador Ivanaldo Braz (SDD). Para o vereador a travessia tem gerado preocupação para a população do bairro “A rodovia é extremamente movimentada e não oferece nenhuma segurança para os pedestres. Nos horários de retorno das escolas os alunos são expostos ao perigo devido ao constante fluxo de carros”, explicou.

O vereador Antônio Chaves de Sousa, o Major da Mactra (PSDB), pediu ao Executivo (Indicação 178/2013) a construção e um clube para os servidores públicos de Parauapebas. Segundo Major, o clube é uma forma de valorização do servidor. “Esta é uma maneira de ofertar para os servidores públicos momentos de lazer e descontração. O local também poderá ser utilizado para reuniões e eventos, com a finalidade de integrar todos os servidores”.

Em seguida Major solicitou (Indicação 179/2013) a abertura de uma estrada entre a Vila Albani e a Vila Alto Bonito. Para o parlamentar a estrada vai facilitar o tráfego de veículos entre as vilas, o transporte escolar e o escoamento da produção gerada pela agricultura. “O campo precisa produzir, mas para isso é necessário condições mínimas e as estradas tornam-se fundamentais para o escoamento dos produtos do campo”, explicou.

Para estimular a cultura no município, o presidente da Câmara, Professor Josineto Feitosa (SDD) sugeriu a construção de um Centro Cultural. Para o vereador Josineto a criação deste espaço vai contribuir para que a população conheça a história de nossa cidade. “Além do resgate do passado de Parauapebas, este Centro Cultural será o local para o povo manifestar, fortalecer e evidenciar os valores locais. Este Centro se tornará referência em nossa região, sendo também uma atração turística”, revelou.

O vereador Charles Borges (SDD) indicou (n° 181/2013) ao Poder Executivo Municipal a construção da rede de drenagem de águas pluviais na Rua São Paulo, entre a Rua Oito e a Rua Dez, no bairro Primavera. De acordo com o vereador no período de chuva a área fica alagada e algumas residências chegam a ficar inundadas. “É um transtorno muito grande para os habitantes do local, já que não existe rede de esgoto nem pluvial nas imediações, o que pode gerar doenças à população. Com a construção da rede de dreno na Rua São Paulo, entre as residências 433 e 435, o problema será amenizado o que proporcionará a esses moradores maior tranquilidade”.

Em seguida o vereador Charles Borges pediu (Indicação 182/2013) a limpeza do canal na Rua Belém, entre a Rua Onze e Rua Quatro, no bairro Primavera. “A situação no local é desagradável em virtude do odor gerado pelo canal, já que o mesmo deveria receber somente águas pluviais ou água de esgoto previamente tratadas, mas encontra-se no canal todo o tipo de esgoto como fossas residenciais e animais mortos”, finalizou

Todas as Indicações e Requerimentos apresentados foram aprovados por unanimidade pelos parlamentares e serão encaminhados ao Poder Executivo.

Reportagem: Josiane Quintino/ACL

Publicidade

Veja
Também