Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

IVECAN cobra melhorias no atendimento oncológico em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Em um ato pacífico e silencioso, integrantes do Instituto Vencendo o Câncer (IVECAN), compareceram na Câmara Municipal de Parauapebas para pedir providências do Governo Municipal no que tange atendimento oncológico através de parceria com clínicas e convênio com o Sistema Único de Saúde (SUS).

A presidente do IVECAN, Socorro Plácido, falou das dificuldades enfrentadas por tantas pessoas que, ao ser diagnosticadas com câncer, precisam ir para outras cidades em busca de tratamento. “Quando vem o diagnóstico positivo para câncer, a primeira luta é saber onde se tratar, e geralmente, as pessoas vão para Belém ou Araguaína. Mas, até para conseguir uma transferência, se passa muito tempo”, conta Socorro, detalhando que não há convênio com o SUS, e que o convênio tão esperado com a ONCORADIUM ainda não foi efetivado, não tendo nem liberação para funcionar.


 

Socorro lembra que há um ano o prefeito Darci Lermen trouxe a esperança ao se comprometer em trazer o tratamento para o município através do SUS o que, segundo ela, ainda não aconteceu. “Viemos hoje na Câmara para aproveitar a presença do prefeito aqui e perguntar o que está acontecendo ou porque isso ainda não aconteceu; qual a dificuldade para trazer o serviço”, questiona Socorro.

Resposta trazida pelo prefeito Darci Lermen, que, entrevistado em seguida por nossa equipe de reportagens, esclareceu que está tomando todas as medidas para cumprir o compromisso feito com a entidade, tendo inclusive um espaço adequado no Hospital Geral de Parauapebas (HGP), onde funcionará o Centro de Oncologia. Sobre o convênio com o SUS e a clínica ONCORADIUM, ele diz que está tramitando e cumprindo todos os passos necessários. “Não podemos fazer as coisas de forma atropelada para não termos problemas com a justiça nem trazer com qualidade inferior. Não paramos de lutar para trazer este serviço, que reconhecemos ser tão importante para a população”, explica Darci Lermen.

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também