Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Joelma Leite solicita que fiscalização das operações minerárias seja feita por órgão municipal

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A proposta da vereadora Joelma de Moura Leite (PSD) é que o acompanhamento e fiscalização das operações relativas à mineração sejam executados no âmbito municipal. Para que ocorra a mudança, a vereadora sugeriu a realização de Termo de Cooperação Técnica entre a Agência Nacional de Mineração (ANM) e a Prefeitura de Parauapebas.

A proposição indica que um convênio, através da Secretaria Municipal de Mineração, Energia, Ciência e Tecnologia, seja firmado para acompanhar a principal atividade econômica do município.


Conforme explicou a legisladora na sessão ordinária desta terça-feira (26), a mineração movimenta grande parte da economia local. Segundo Joelma Leite, já houve termos de cooperação técnica entre o município de Parauapebas e o antigo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), hoje Agência Nacional de Mineração (ANM), e que os termos foram relevantes nos assuntos relativos à Compensação Financeira sobre Exploração Mineral (Cfem).

Para que a cooperação técnica seja novamente firmada, Joelma Leite apresentou ao plenário a Indicação nº 453/2019, em que requisita à administração pública municipal a realização de Termo de Cooperação Técnica com o intuito de dar continuidade aos acordos anteriores firmados e cumprir o que determina a Lei nº 13.848/2019.

A legislação estabelece que as agências reguladoras devam promover a articulação de suas atividades com as de agências reguladoras ou órgão de regulação dos municípios, implementando, a seu critério e mediante acordo de cooperação, a descentralização de suas atividades fiscalizatórias, sancionatórias e arbitrais.

Para a vereadora, o termo de cooperação facilitará o trabalho dos mineradores locais, pois poderão realizar parte das necessidades burocráticas junto à Agência Nacional de Mineração no município por meio da Secretaria Municipal de Mineração, Energia, Ciência e Tecnologia.

Por se tratar de uma proposição que promove benefício à população e à economia de Parauapebas, os vereadores aprovaram a indicação que será enviada para análise e possível implementação do Poder Executivo.

Publicidade

Veja
Também