Jovem morre ao colidir moto com caçamba carregada de areia entre as Palmares Sul e II

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um caminhão modelo 24.250, caçamba, de cor branca e placas MWQ-3599, registrado em nome de João Gomes da Silva Junior, de Cariri (TO), que estava carregado de areia e parado desde sábado na beira da estrada entre as vilas Palmares Sul e II, sem nenhum tipo de sinalização, acabou por ocasionar a morte prematura da jovem Kellyanne Silva Rolim da Cunha, de 18 anos de idade.

Segundo informações obtidas pela equipe de reportagens policiais do Portal Pebinha de Açúcar, Kellyanne Silva é natural de Parauapebas e o acidente foi registrado por volta de 21h00 de quarta-feira (19), quando ela retornava da Vila Palmares II para Parauapebas, pilotando uma motocicleta Honda Titan de cor preta e placa NSW-3194, momento em que acabou batendo em cheio na traseira do pesado veículo.


Acionada, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ainda esteve no local, porém, infelizmente constatou a morte da jovem.

De acordo com informações colhidas junto a uma guarnição da Polícia Militar que atendeu a ocorrência, o caminhão se encontra quebrado desde sábado (15), quando o motorista do mesmo teria sido aconselhado pelos policiais que patrulhavam a área, para que tirasse o veículo do local ou sinalizasse para evitar um possível acidente, o que não foi ouvido pelo responsável pelo caminhão.

 

Informada do acidente, a guarnição da Polícia Militar se dirigiu ao local, onde isolou área e acionou o Departamento de Trânsito e Transportes (DMTT) para controlar o trânsito, como também a Polícia Civil e uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) junto com um perito do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, que realizou os procedimentos cabíveis.

Revoltados com o discurso do proprietário do caminhão, moradores da área que também vinham reclamando do veículo que estava parado, se indignaram com a morte da jovem e minutos depois dos procedimentos de remoção do corpo de Kellyanne, atearam fogo no pesado veículo.

veja também