Manifestação de indígenas interrompe expediente na Prefeitura de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Desde a noite da última segunda-feira (16) que indígenas começaram a acampar nas dependências do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal de Parauapebas que fica localizado no Morro dos Ventos. O prefeito Darci Lermen (MDB) chegou a conversar com algumas lideranças no local e usou suas redes sociais para comentar sobre o assunto. “Encerrando a noite fazendo uma visita especial ao acampamento dos índios em frente à prefeitura. Receber os nossos amigos indígenas é sempre uma grande satisfação. Que Deus abençoe a todos”, relatou Darci.

Ainda na noite de ontem, os indígenas armaram mais barracas ao redor da Prefeitura de Parauapebas e também na parte interna do prédio, sendo que na manhã desta terça-feira (17), os servidores públicos foram impedidos de se dirigir até seus locais de trabalho, o que acabou interrompendo o expediente interno nos órgãos públicos que funcionam no Morro dos Ventos.


 

Até o fechamento da matéria, a Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Parauapebas (Ascom) ainda não havia comentado sobre a manifestação dos indígenas, porém, de acordo com informações extraoficiais que chegaram até a equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar, está na pauta de reivindicações dos indígenas a melhoria em estradas que dão acesso às aldeias, tendo em vista que recentemente uma índia acabou morrendo ao ser picada por uma cobra, e como as estradas estão ruins, ela não conseguiu chegar a tempo para ser atendida em um hospital.

Ainda de acordo com informações obtidas pelo Pebinha de Açúcar, pelo menos 400 indígenas devem chegar nas próximas horas na Prefeitura de Parauapebas para reforçar a manifestação com o objetivo de se reunir com representantes do Governo Municipal para que uma pauta de reivindicações seja apresentada.

Nossa equipe continuará acompanhando o caso e traz mais detalhes a qualquer momento.

veja também