Ministério Público alerta: Show de João Gomes na Vila Sororó só com carteira de vacinação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mesmo antes da divulgação do decreto municipal assinado na última terça-feira (17) pelo prefeito de Marabá, Tião Miranda, flexibilizando e autorizando shows e o funcionamento de casas noturnas, um show nacional do cantor João Gomes já estava agendado para acontecer no município na próxima sexta-feira (20).

O Ministério Público do Estado do Pará emitiu, nesta quarta-feira (18), uma recomendação à Prefeitura de Marabá, através da Divisão de Vigilância Sanitária e Secretaria Municipal de Segurança Institucional, e à empresa responsável pela organização do evento, que fiscalize, oriente e averigue o cumprimento dos protocolos sanitários utilizados para combater a proliferação do coronavírus.


O evento está marcado para acontecer na Vila Sororó, zona rural de Marabá e, de acordo com o documento assinado pela promotora de Justiça, Mayanna Queiroz, é preciso que os órgãos deem ênfase na capacidade e lotação máxima de 40% do local do evento.
Além disso, devem cumprir o horário de funcionamento até as 4 horas da manhã e a obrigatoriedade da apresentação da carteira de vacinação, conforme determina o decreto que está em vigor.

Para a empresa responsável pelo evento, o Ministério Público ressalta que, caso as medidas assinaladas acima não sejam acatadas, serão adotadas medidas legais, inclusive o ajuizamento de Ação Civil Pública. A promotora informa que a empresa pode sofrer medidas criminais e correlatas de responsabilização do ente público.

veja também