Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

MP mediará impasse entre servidores da educação e governo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Iniciada na segunda-feira, 9, a greve nas escolas públicas municipais de Parauapebas pode ter fim amanhã; tudo só depende do que for acordado na reunião agendada para às 16h00 desta terça-feira, 17, entre o gabinete do governo municipal, secretaria municipal de Educação e sindicato que representa a categoria, com a presença do Ministério Público.
O objetivo da reunião será para tratar de assuntos referentes às reivindicações da greve dos professores.

Hoje pela manhã, ocorreu uma reunião entre o secretário municipal de Educação, Raimundo Neto, e a coordenação da subsede Parauapebas do SINTEPP – Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará, quando, segundo Raimundo Moura, coordenador da entidade sindical, apenas foram alinhados as reivindicações para que, na reunião de amanhã, sejam discutidas e tomadas a decisões cabíveis na presença do MP. “A greve será mantida, até que se atendam nossas reivindicações. Antes disto, não arredaremos o pé e manteremos nossos representados na ativa fazendo o movimento para que sejamos ouvidos”, afirmou Raimundo Moura, dando conta de que, além do rateio da verba do FUNDEB, pontos da pauta importantes como, por exemplo, o PCCR – Plano de Carreira, Cargos e Remuneração e a eleição direta para diretores e vice-diretores continuam abertos esperando respostas.


Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também