No Pará, menina morre em acidente ao pôr corpo para fora de ônibus

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Acidentes de trânsito com ônibus podem acontecer em qualquer situação e não importa o local, em áreas urbanas ou zonas rurais, seja com veículos de viagem regular intermunicipal ou interestadual, de turismo ou escolar .

Um caso envolvendo um coletivo que levava estudantes ocorreu na zona rural do município de Santana do Araguaia, no extremo sul do Pará, distante cerca de 540 quilômetros de Marabá. Um acidente envolvendo um ônibus e um caminhão boiadeiro, resultou na morte de uma menina de 7 anos. O acidente aconteceu no dia 4 de novembro, mas só agora foi amplamente divulgado.


De acordo com informações, Kemylle Laryssa de Souza Cândido, estava no ônibus escolar que se chocou com um caminhão em uma estrada vicinal naquela localidade. Ela e outras crianças estavam voltando para casa de Santana do Araguaia para a Vila Mandi. Testemunhas contam que a criança estava na janela do veículo e viajava com parte do corpo pra fora no momento do impacto. A criança foi atingida pelo retrovisor do caminhão.

O ônibus e o caminhão vinham em sentidos opostos, e conseguiram desviar a tempo para evitar a batida frontal de um com o outro. Entretanto o retrovisor do caminhão passou raspando na lateral do ônibus vindo a atingir fatalmente a criança.

Segundo a polícia, o ônibus é alugado e confirmou que não havia monitor acompanhando as crianças. Além disso, as autoridades contam que o motorista do ônibus não era habilitado para conduzir o veículo. Ainda segundo a polícia, o trecho da estrada não tem espaço suficiente para dois veículos.

Segundo a polícia, há um inquérito e uma investigação instaurados na Delegacia de Polícia Civil de Conceição do Araguaia para apurar o que teria ocasionado o acidente. Este deve ser finalizado no próximo sábado (13).

Com relação a falta da presença de monitores nos ônibus, a Secretaria de Educação de Santana do Araguaia informou que irá contratar ainda nessa semana 55 pessoas para a função.

A Prefeitura de Santana do Araguaia decretou Luto por três dias pela morte da menina. Em nota a prefeitura declara que “com imenso pesar, comunicamos o falecimento de Kemylle Laryssa de Souza Cândido, aluna do 1º ano da Escola Magnólia, de Vila Mandi”.

“Nossos sentimentos e nossas orações estão com todos os familiares e amigos, rogando a Deus para que os conforte”, finaliza a nota.

veja também