No Pará, professor se masturba dentro de van e ejacula no cabelo de passageira

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um homem identificado como Edmakes Santana Souza, foi preso na última terça-feira, 28, dentro de uma van, em um posto de combustível, às margens da PA-150, na cidade de Nova Ipixuna, sudeste paraense, acusado de se masturbar, ejacular nas mãos e limpá-las no cabelo de uma passageira.

De acordo com a vítima, que narrou a ação do suspeito, a Polícia Militar foi acionada pelo condutor da van, que fazia a linha Marabá-Tucuruí e foi interceptado pelos militares na entrada de Nova Ipixuna. O acusado foi identificado e recebeu voz de prisão.


Durante a busca pessoal, Edmakes Souza afirmou que era professor nas escolas de Breu Branco e Goianésia, ambas as cidades ficam localizadas no sudeste do Pará. Com ele foram encontrados produtos eróticos, utilizados em práticas sexuais.

Na mochila do suposto professor, foram encontrados, uma máquina de aumento peniano, um plug anal, um vibrador de pompoarismo, um vibrador feminino, seis potes de gel, oito camisinhas, um spray beijável e dois anéis penianos, entre outros objetos pessoais.

Edmakes Souza foi apresentado na delegacia de Polícia Civil de Nova Ipixuna, onde foi autuado em flagrante delito. As prefeituras de Breu Branco e Goianésia necessitam investigar a prática desse suposto professor. Caso seja condenado pela Justiça, um indivíduo com esse comportamento sexual não pode lidar com crianças e adolescentes.

 

veja também