Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Pará chega a 3º lugar no ranking brasileiro de isolamento social

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Pará computou, na sexta-feira (17), 52,30% de isolamento social ficando em 3º lugar no ranking brasileiro entre os estados que mais estão adotando a medida para combater o novo coronavírus. Essa é a melhor posição que o Pará já esteve desde que o monitoramento começou a ser realizado. Os dados foram levantados pela Secretaria de Inteligência e Análise Criminal (Siac), vinculada à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), que faz a verificação da taxa diariamente.

“Nesta sexta-feira, o Pará ficou em 3º lugar, de todas as unidades da federação, atrás apenas dos estados de Goiás e do Distrito Federal. Pra nós é uma grande satisfação saber que a população começou a compreender melhor a necessidade do isolamento, e a melhora do índice ocorreu mesmo com o pagamento do auxilio emergencial. Porém, sabemos que nós podemos e precisamos melhorar, tendo em vista que a orientação dos organismos de saúde é que tenhamos 70% de isolamento social”, avaliou o titular da Segup, Ualame Machado.


Os órgãos do Sistema de Segurança Pública atuam, neste final de semana, até 22 de abril, em razão do feriado prolongado de Tiradentes, nas barreiras de entrada e saída de veículos, fiscalizando e impedindo o tráfego intermunicipal de carros com fins recreativos. A ação ocorre em cumprimento ao decreto estadual que determina o isolamento social.

“A gente espera que agora, no feriado, as pessoas não tendo a obrigatoriedade ou necessidade de sair às ruas possam aumentar e melhorar cada vez mais esse índice” – Ualame Machado, secretário de Segurança Pública.

Municípios – De acordo com o levantamento, ao analisar as cidades paraenses, os melhores índices de isolamento, ou seja, onde as pessoas passaram mais tempo em casa respeitando a quarentena, estão nos municípios de Inhangapi (78,3%); Tracuateua (77,4%); Quatipuru (74,0%); Bragança (73,6%); e São Caetano de Odivelas (72,2%);

Descentralização – Os municípios de Marabá, Santarém e Breves irão abrigar Hospitais de Campanha para receber pacientes contaminados pela Covid-19. Nessas cidades, a taxa de isolamento esteve em 45,9%, 43,3% e 52,9%, respectivamente.

Belém e Ananindeua – Em Belém, incluindo os distritos, os bairros onde as pessoas mais estiveram dentro de casa na sexta-feira (17) foram: Águas Lindas (75,3%); Natal do Murubira (72,5%); Castanheira (72%).

Em Ananindeua, os melhores índices foram registrados nos bairros Jiboia Branca (77,7%); Una (75%); e Atalaia (71,6%).

Índices de isolamento por bairro em Belém na sexta-feira (17):

Melhores

Águas Lindas 75,3%

Natal do Murubira 72,5%

Castanheira 72%

Piores

Praia Grande 34,1%

Campina 34,7%

Pratinha 37%

Índices de isolamento por bairro em Ananindeua na sexta-feira (17):

Melhores

Jiboia Branca 77,7%

Una 75%

Atalaia 71,6%

Piores

Icuí-laranjeira 46,4%

Heliolândia 47,4%

Aurá 49,5%

Publicidade

Veja
Também