Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Pará conta com mais 50 novos respiradores para tratamento de pacientes com coronavírus

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Na noite deste domingo (17), 50 novos respiradores chegaram ao Estado para ampliar o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento de pacientes com Covid-19. Os equipamentos vieram de São Paulo, desembarcaram no aeroporto de Belém e foram encaminhados no mesmo momento para o Hospital de Campanha do Hangar, onde todos passaram por testes. Com os novos respiradores, o Pará contará com 390 UTI´s exclusivas para pacientes com síndrome respiratória aguda.

Os respiradores foram enviados pelo Ministério da Saúde após pedido feito pelo Governo do Pará em abril deste ano. São equipamentos fabricados no Brasil e, de acordo com o engenheiro responsável pela logística do Hospital de Campanha do Hangar, Henrique Bolderine, são equipamentos com tecnologia de última geração. Os testes começaram assim que os aparelhos chegaram ao Hangar.


“Esses respiradores vão salvar muitas vidas e diminuir a demanda pelo número de leitos de UTI, que é uma necessidade de todo o país, neste momento. Cada leito de UTI conta”. Henrique Bolderine, engenheiro de logística do Hospital de Campanha do Hangar.

Após o término dos testes, 23 dos 50 respiradores irão ampliar o número de leitos no Hospital de Campanha do Hangar, em Belém, e já estarão em funcionamento nesta segunda-feira (18). Os outros 27, serão distribuídos entre os Hospitais de Campanha de Breves, Marabá e Santarém; Hospital Regional do Baixo Tocantins, em Abaetetuba; Hospital Regional do Araguaia, em Redenção; Hospital Regional de Cametá; e Hospital Santo Antônio Maria Zacarias, em Bragança.

Publicidade

Veja
Também