Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Parauapebas ainda precisa recadastrar 80 mil eleitores na biometria

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Há dois meses do prazo final para o recadastramento biométrico em Parauapebas, o município não atingiu nem 50% do eleitorado revisado, cerca de 80 mil eleitores ainda precisam procurar o posto de atendimento da Justiça Eleitoral na cidade.

Pensando na intensificação das atividades no município a Justiça Eleitoral programou dois itinerantes para este mês, um no Núcleo Urbano da Vale (14 e 15/10) e outro nas aldeias Ô-Ô-DJÀ, KATETÉ e DJUDJE-KÔ (20 a 23/10).


Além disso, no dia 14 de outubro, o Presidente do Tribunal Regional Eleitoral, Desembargador Raimundo Holanda Reais, estará no município cumprindo agenda para assegurar o direcionamento e a estrutura necessários ao bom andamento dos trabalhos de recadastramento. Ele deve, também, atender a imprensa e acompanhar o itinerante no Núcleo Urbano da Vale como forma de levar o TRE para mais perto do eleitorado.

A identificação biométrica é uma ferramenta que garantirá mais segurança na identificação do eleitor no momento da votação. “A partir da coleta biométrica a identificação do eleitor e o pleito ganham mais transparência, pois aliamos os dados biográficos já existentes aos biométricos como impressões digitais e fotografia” comenta Felipe.

Lembrando que, precisam fazer o recadastramento todos os eleitores dos municípios em revisão, sem exceção, sob pena de cancelamento do título eleitoral. O comparecimento deve ocorrer nos períodos indicados para cada um dos municípios no cartório eleitoral ou no posto que será instalado temporariamente nos municípios. “Hoje, nosso posto de atendimento está trabalhando com um número muito baixo de eleitores, portanto, ainda não há filas ou grandes períodos de espera, mas o eleitor que deixar para última hora com certeza terá problemas com isso”, alerta Felipe Brito, Secretário de Tecnologia da Informação do TRE-Pa.

Felipe lembra também que o Tribunal disponibiliza através do site www.tre-pa.jus.br a possibilidade de agendamento deste atendimento para facilitar a ida do eleitor e evitar filas, e concede ainda um documento de comparecimento para um dia de abono no ponto no local de trabalho.

Outras informações da revisão em Parauapebas

 

unnamed

Histórico

Primeiro Município a ter biometria no Pará

 

  • Eleições 2010

25 (46786) Capanema em 2009

  • Eleições 2012

66 (7096) Peixe Boi em 2012

  • Eleições 2014

 

Municípios atendidos em outro período

Início         Término

72 (272529) Ananindeua               03/04/2013 25/01/2014

09 (27055) Curuçá e Terra Alta   03/04/2013 31/08/2013

42  (64965) Paragominas             02/05/2013 05/10/2013

65 (71398) Barcarena                  04/09/2013 01/03/2014

4  (115003) Castanhal                  09/10/2013 05/04/2014

70 (33610) Capitão Poço             09/10/2013 05/04/2014

 

Municípios do Pará em atendimento: 

 

Município(s)Data InicialData Final
16 (24600) Afuá06/05/1529/08/15
13 (79515) Bragança/(22596) Tracuateua06/05/1528/11/15
75 (140710)) Parauapebas/( 30263)Canaã dos Carajás03/06/15
20/83/104 (203979) Santarém/ (169220) Mojuí / (13760) Belterra01/07/15
43 (66258) Marituba05/08/15
63 (9603) Primavera/(16410) Pirabas/; (9666) Quatipuru02/09/15
27 (18911) Ponta de Pedras26/08/15

*Afuá e Tracuateua encerraram seu atendimento em 29/08/2015

 

Informações básicas:

 

1 – O que é Biometria?

Biometria é um método automático de reconhecimento individual baseado em medidas biológicas (anatômicas e fisiológicas) e características comportamentais. É atualmente bastante utilizado como base para sistemas de identificação. O uso de ferramentas biométricas proporciona aos sistemas de segurança total confiabilidade.

 

2 – Para que serve o recadastramento biométrico?

A urna eletrônica terá um sistema para identificação por meio da impressão digital, habilitando-a para o voto após o reconhecimento do eleitor. Para que sejam colhidas as digitais, os eleitores devem se recadastrar biometricamente, ou seja, deverão comparecer aos seus cartórios eleitorais para registro das impressões dos dedos da mão e para uma fotografia digitalizada. Além disso, o recadastramento serve para atualizar o cadastro dos eleitores.

 

3 – Qual a vantagem desse novo sistema?

A principal vantagem do sistema biométrico é a segurança. Com a identificação biométrica não haverá a possibilidade de um eleitor votar no lugar de outro, tornando assim ainda mais seguro o sistema de votação eletrônico.

 

4 – Quem está obrigado a comparecer ao recadastramento?

TODOS OS ELEITORES DOS MUNICÍPIOS EM REVISÃO devem comparecer, sem exceção, sob pena de cancelamento do título eleitoral. O comparecimento deve ocorrer nos períodos indicados para cada um dos municípios abaixo no cartório eleitoral ou no posto que será instalado temporariamente nos municípios.

 

5 – O que acontece se eu não comparecer ao recadastramento?

Como já explicado anteriormente, o título será cancelado e o eleitor poderá ficar sem votar nas próximas eleições.

 

6 – Como eu faço para ser recadastrado?

Compareça ao posto de atendimento de seu município, nos endereços divulgados, ou faça o pré-agendamento pela internet no link a seguir(www.tre-pa.jus.br). Quem agenda o atendimento não fica em fila, portanto divulgue essa informação a todos os seus conhecidos.

 

7 – Que documentos preciso levar para ser recadastrado?

 

Se você já é alistado, leve:

  • Documento de identificação (RG, CNH, carteira profissional, certidão de nascimento ou casamento etc TODOS ORIGINAIS).
  • Comprovante de endereço recente.
  • Se você tiver o antigo Título eleitoral, leve-o (se tiver perdido o título eleitoral, não é necessário fazer boletim de ocorrência)
  • Documento comprobatório de alterações de dados pessoais, se houver (Ex. certidão de casamento, homologação de separação, sentença judicial, etc).

 

Se você ainda não tem título, são necessários:

 

  • Documento de identificação (RG, carteira profissional, certidão de nascimento ou casamento etc TODOS ORIGINAIS). *A CNH não é válida como documento de identificação para o alistamento eleitoral por não conter nacionalidade/naturalidade.
  • Comprovante de endereço recente.
  • Comprovante de quitação do serviço militar (homens com idade entre 18 e 45 anos).

 

8 – Quanto tempo vou levar para ser atendido?

Após chegar até o guichê de atendimento, em até vinte minutos o eleitor será atendido e terá seu novo título eleitoral entregue em mãos.

 

9 – Meu familiar (irmão/mãe/pai/ etc.) está doente e não pode comparecer pessoalmente ao recadastramento. Posso fazer o recadastramento por ele(a)?

Todos os eleitores devem comparecer pessoalmente, sem exceção. Portanto, no caso de um eleitor enfermo, a única coisa possível de ser feita é aguardar sua melhora para regularizar a situação ou pedir a dispensa de comparecimento ao juiz eleitoral.

 

10 – Meu familiar (mãe / pai/ avós/ etc.) é idoso / tem dificuldade de locomoção/ é portador de necessidades especiais. Posso fazer o recadastramento por ele?

Todos os eleitores devem comparecer pessoalmente, sem exceção. Entretanto, o Tribunal promoverá alguns atendimentos itinerantes em datas a serem definidas. Verifique se o seu familiar pode ir a um desses atendimentos.

Outra opção é fazer o agendamento pela internet. Assim, o eleitor não ficará na fila e será atendido com prontidão no posto eleitoral. Nesses casos também pode-se pedir a dispensa de comparecimento ao juiz eleitoral.

 

11 – Perdi o prazo e o meu título foi cancelado… e agora?

Procure seu cartório eleitoral e se informe sobre os procedimentos a serem adotados.

 

Publicidade

Veja
Também