Parauapebas bate o Cametá por 2×0 e segue na liderança do Grupo E da Segundinha

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Paraense de Futebol da Segunda Divisão, o Parauapebas Futebol Clube (PFC) recebeu o Cametá Sport Club (CSC) no Estádio Rosenão, no município de Parauapebas.

O jogo era bastante esperado, tendo em vista que na primeira rodada, o Parauapebas venceu o Atlético Paraense por 3×2, enquanto que o Cametá foi até Moju e venceu o Santos. Como os dois times venceram suas partidas de estreia, o jogo realizado noite de hoje (20) no Rosenão, valia a liderança do Grupo E.


Em campo, a partida que estava prevista para iniciar pontualmente às 18h00, de acordo com a Federação Paraense de Futebol (FPF), sofreu um atraso. O motivo? Não existia nenhuma ambulância no Estádio Rosenão e a equipe de arbitragem só autorizou que a bola rolasse por volta das 18h30, quando uma ambulância da Secretaria Municipal de Saúde de Parauapebas (Semsa) chegou ao local do jogo.

 

Com a bola rolando, a partida iniciou bastante disputada, com Parauapebas e Cametá se defendendo, porém, com o “Gigante de Aço” pressionando mais o “Mapará Elétrico”.

Aos 24 minutos do segundo tempo, debaixo de uma grande chuva, o jogador Túlio abriu o placar para o Parauapebas Futebol Clube. Depois do primeiro gol, o “Gigante de Aço” não se intimidou diante do “Mapará” e após muita confusão em campo, por conta de jogadores do Cametá, que não estavam satisfeitos com o resultado, o PFC “matou o jogo”, quando aos 51 minutos do segundo tempo Marcelo marcou o gol da vitória do time da casa.

Agora, o “Gigante de Aço” segue com 6 pontos na Segundinha e lidera o Grupo E, voltando a jogar no próximo domingo (24) contra o Santos, de Moju do Pará. Já o Cametá, segue com 3 pontos, enquanto Atlético Paraense e Santos estão com apenas 1 ponto na tabela.

Confira abaixo a transmissão ao vivo que foi exibida no Facebook do Portal Pebinha de Açúcar:

veja também