Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Parauapebas busca parceria com a Secretaria de Estado dos Povos Indígenas

Girlan Pereira, coordenador do Departamento de Relações Indígenas (DRI) da Prefeitura de Parauapebas esteve em Belém e apresentou demandas de infraestrutura, saúde, educação e desenvolvimento rural para representantes de diversas secretarias estaduais.

“Nosso objetivo é realizar convênio de cooperação para o atendimento desta comunidade. Acreditamos que abrimos um precedente importante para que outros municípios também acionem a secretaria e articulem o cumprimento de políticas públicas voltadas aos povos originários. É diferente quando à frente está um parente, pois o olhar é sensível à causa e a percepção é de quem vive a realidade do indígena”, explicou Girlan.

A secretária da Sepi, Puyr Tembé, ouviu a intenção do governo do município de Parauapebas em buscar a parceria para a realização do atendimento em Terras Indígenas. “Venho da militância, porém, agora estou no governo. Continuo com o objetivo de lutar pelos meus parentes, por isso entendo que devemos buscar meios para fazer tudo de forma legal”, afirmou dizendo ter por plano findar seus trabalhos como secretária, olhando para os indígenas de cabeça erguida por ter buscado fazer o melhor. E também falou sobre a necessidade de “reflorestar mentes” incluindo mentes institucionais.

A comunidade indígena Xikrin tem como representante, neste ato, Kangó Xikrin, que falou da ansiedade dos povos Xikrin em receber atendimento por meio dos governos. “A gente nem devia precisar fazer esse tipo de cobrança, pois tudo já está previsto em lei. Se estamos aqui é por não estar sendo cumprido”, afirmou Kangó Xikrin, dizendo acreditar que agora, com a participação de uma representante indígena dentro do governo, essa realidade possa mudar.

 Reportagem: Francesco Costa

Qual sua reação para esta matéria?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
Ei, Psiu! Já viu essas?

Deixe seu comentário