Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Parauapebas: Mecânico é assassinado a facadas e homicida é preso 12 horas depois

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Doze horas após o crime, portanto, às 16 horas desta sexta-feira (01), a Polícia Civil localizou e prendeu o assassino de Emerson Silva Costa, 22 anos, natural de Salinópolis (PA), mecânico, que foi executado com golpes de faca durante uma briga por volta das 4 horas da madrugada de sexta-feira (01), numa casa noturna localizada no Bairro Guanabara, em Parauapebas.

O homicida preso pela polícia é Carmindo Almeida dos Santos, 22 anos, que se encontra recolhido ao xadrez à disposição da Justiça. Segundo o delegado plantonista Nelson Alves Júnior, Carmindo Almeida confessou o crime, justificando que a vítima havia paquerado uma sobrinha dele.


À reportagem, Carmindo explicou que cometeu o homicídio porque, na discussão, Emerson teria desferido um soco à altura de uma das orelhas. “Depois disso, ele tomou um táxi e saímos atrás dele. Pequei a faca que estava dentro do bagageiro de minha moto e desferi contra ele”, revelou.

Em relato prestado ao escrivão Paulo Marcos de Oliveira, Thatiane Silva Costa, 29 anos, natural de Capanema (PA), irmã de Emerson, confirmou ter tomado conhecimento de que o irmão dela havia mesmo se envolvido numa briga na casa noturna e em seguida ele pegara um táxi do local, mas foi perseguido pelo grupo envolvido na briga. O táxi foi interceptado e o rapaz arrancado do veículo e atingido por vários golpes de faca nas costas e na cabeça, vindo a óbito ainda no local.

Reportagem: Vela Preta / Waldyr Silva – Da redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também