Parauapebas “respirou” Motocross no final de semana

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

As comemorações do aniversário de Parauapebas continuam ao longo do mês de maio. A programação também contempla quem curte esportes radicais e muita adrenalina. A primeira edição do Niver Cross reuniu mais de cem pilotos para o maior evento de motocross da região, que contou com 16 categorias de disputa – do mirim (a partir dos cinco anos) ao adulto (masculino e feminino).

“Esse evento vai ficar marcado porque temos pilotos, além do Pará, de outros estados do Brasil aqui. Com certeza estaremos agora na rota da Confederação para que possamos estar fazendo no ano que vem, além do segundo Niver Cross, também o Campeonato Brasileiro de Motocross”, conta o secretário de Esportes e Lazer, Leandro Gambeta.


Ele anuncia que em setembro, os eventos continuam, com a realização do Trilhão Tatu de Ferro. “Parauapebas está entrando na rota dos grandes eventos. A rede hoteleira fica lotada, restaurantes também. Então, são só benefícios, sempre visando o melhor para o comércio local”, completa o gestor.

A menina Fernandinha Nascimento, de apenas dez anos de idade, já é apaixonada pelo esporte e disputou a categoria mirim. “Eu vim de Tucuruí para participar do Niver Cross aqui em Parauapebas e eu estou achando muito bom, muito legal. A pista é muito boa”, analisa a pequena atleta que descreve a sensação de pilotar “eu sinto muita felicidade, é muita adrenalina na pista”, afirma.

Nilson Gusmão também enfrentou alguns quilômetros para participar do evento. Ele veio de Paragominas, e competiu na primeira disputa de motocross realizada no Pará. “Tenho, hoje, quarenta anos de experiência”, conta orgulhoso. O piloto enxerga a prática do esporte uma forma de terapia para encarar os desafios da vida profissional. “Todo mundo que tiver vontade, tem que praticar porque é um esporte que te dá adrenalina, endorfina, serotonina, você se sente bem”, incentiva.

Foram mais de 70 mil reais em premiação que segundo o organizador do evento Natal Som, superou as premiações da América Latina. Dessa forma, ele declara “é a maior premiação da América Latina e ano que vem promete”, anuncia. O Niver Cross é um evento da Associação de Motocross e Velocross de Parauapebas (Asmovep), apoiado pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel).

Outras modalidades de esportes radicais também são incentivadas pelo governo municipal. Por meio do Projeto Esporte e Cidadania (PEC), crianças e adolescentes podem praticar o Bicicross em uma rampa disponível no Ginásio Poliesportivo.

 

 

veja também