Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Parauapebas tem a terceira melhor qualidade de vida do Pará, diz pesquisa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

IDHM 2013: Entre 1991 e 2010, o fator Educação foi o que mais se desenvolveu em Parauapebas. Nem mesmo o crescimento substancial do critério Renda foi páreo para o desenvolvimento educacional do município que, notadamente, se destacou entre 2000 e 2010, com a redução à metade do índice de analfabetismo.

Ao contrário do que se pensa, em razão de Parauapebas ser rico, o município é um dos que mais concentram renda no país. Mais da metade (58,01%) do dinheiro que circula em nível local está nos bolsos e nas mãos de apenas 20% da população. Isso já havia sido dito, tal como o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) diz agora, no Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) intitulado “Análise da Importância da Compensação Financeira pela Exploração Mineral para o Município de Parauapebas (PA)”, sem tirar nem pôr.


Os dados do TCC batem com os do Pnud divulgados nesta segunda-feira (29), com 100% de precisão. As estatísticas do Pnud também coincidem com os dados que vinham sendo divulgados no Blog Pesquisas Acadêmicas, com 100% de acerto.

O TCC pode ser encontrado aqui: <http://www.ebah.com.br/content/ABAAAfp4AAE/tcc-royaltiesmineracaoparauapebas>. Parauapebas tem a terceira melhor qualidade de vida do Pará, no ranking anunciado na tarde de ontem (29) , atrás de Belém e Ananindeua, e sua educação foi a que mais se desenvolveu na última década entre todos os 144 municípios paraenses, embora ainda esteja pouco atrás do nível educacional de Belém, Ananindeua e Santarém.

Reportagem: André Santos

Publicidade

Veja
Também