Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Partage Shopping Parauapebas não reabrirá as portas na segunda-feira (15)

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Durante a tarde desta quinta-feira (11), a Prefeitura Municipal de Parauapebas divulgou informações referentes ao novo decreto que será assinado pelo prefeito Darci Lermen e que permitirá que igrejas, academias, shoppings e outros estabelecimentos comerciais possam reabrir a partir da próxima segunda-feira (15).

Para a reabertura, é preciso que o comércio cumpra todas as normas de higiene exigidas, como: Fornecer álcool em gel e/ou pia com água e sabão para os clientes e manter distanciamento social: os clientes precisam ficar distante 1,5 metro um do outro e somente poderão entrar nos estabelecimentos se estiverem usando máscaras de proteção, obrigatórias também para todos os trabalhadores do comércio.


A reabertura gradual desses estabelecimentos faz parte da segunda fase do Plano de Flexibilização do Distanciamento Social e Retomada da Atividade Econômica no Contexto da Pandemia por Covid-19 em Parauapebas, construído pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), e representantes do comércio local.

A equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar teve acesso a informações importantes que confirmam a não reabertura do Partage Shopping Parauapebas na próxima segunda-feira (15).

De acordo com as informações, o Grupo Partage não conseguirá marcar a reabertura do empreendimento sem que o decreto municipal seja publicado, tendo em vista que o documento assinado por Darci Lermen, prefeito de Parauapebas, só deve ser publicado na próxima segunda-feira.

Outro impedimento que evita que o Partage Shopping Parauapebas seja reaberto na segunda-feira, é que Grupo Partage também se baseia no Decreto do Governo do Estado do Pará para a reabertura do empreendimento.

Nossa reportagem obteve inda a informação que Antônio Carlos Maziviero, Superintendente do Partage Shopping Parauapebas está em reuniões com o Comitê de Crises da empresa e assim que a data da reabertura do empreendimento for confirmada, imprensa, lojistas e populares em geral serão comunicados.

Regras para reabertura

De acordo com a Prefeitura Municipal de Parauapebas, na segunda fase da flexibilização, que começa na próxima segunda-feira, os estabelecimentos devem obedecer às seguintes regras:

Shoppings, academias de ginástica e de pilates, restaurantes e demais serviços de alimentação: reabertura com 50% da capacidade instalada, sendo que é aconselhado aos restaurantes que priorizem os serviços de entrega, enquanto as academias devem manter as atividades individuais com agendamento de horário e higienizar adequadamente os aparelhos a cada uso. Esses estabelecimentos também devem manter o distanciamento de 1,5 metros entre os clientes.

Bares, casas noturnas, cinemas, teatro, estádio, igrejas e templos podem reabrir o atendimento ao público com até 30% da sua capacidade e também mantendo o distanciamento de 1,5 metro. Para os templos e igrejas, é recomendado que diminuam o tempo dos seus eventos.

Espaços públicos municipais que geram aglomerações, como quadras e biblioteca, devem observar ocupação máxima de 50% da sua capacidade.

A segunda fase também prevê a retomada gradativa dos atendimentos ambulatoriais e das cirurgias eletivas desde que estas não requeiram internação.

Publicidade

Veja
Também