Polícia deflagra operação para desarticular esquema para emissão ilegal de carteiras de habilitação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Polícia Civil do Pará deflagrou hoje (30) a operação “Contramão”, para cumprir 11 mandados judiciais, dos quais cinco de prisão preventiva e seis mandados de busca e apreensão. A operação é realizada nos municípios de Xinguara e Água Azul do Norte, na região sudeste do Pará, e na cidade de Ubá, situada na zona mata em Minas Gerais.

Os mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos na sede do Detran de Xinguara, em duas autoescolas e em residências. A ação policial é resultado de investigações iniciadas há seis meses para apurar um esquema de emissão ilegal de Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs), documentos emitidos pelo órgão oficial de trânsito que atestam a aptidão de uma pessoa para dirigir veículos automotores terrestres no Brasil.


A operação é coordenada pelo delegado José Carlos Rodrigues, superintendente da região do Alto Xingu, e pelo delegado Carlos César da Silva, da Delegacia de Rio Maria. Durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão, as equipes policiais encontraram 11 pessoas, em Xinguara, vindas do Estado de Minas Gerais para obter CNHs no Estado do Pará.

 

Foram apreendidas, até o momento, em torno de 30 CNHs e diversas impressões digitais feitas em silicone. As investigações mostram que as pessoas envolvidas no esquema chegavam a pagar quantias de até R$ 8 mil para obter CNHs de modo fraudulento. A operação prossegue e, ainda durante o dia, os resultados finais serão divulgados.

Publicidade

veja também