Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Polícia tira de circulação quatro menores de idade que “tocavam o terror” pela madrugada em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Há mais ou menos dois meses, diversas pessoas que trabalham trocando turno em projetos minerais de Carajás, em Parauapebas, estão sendo vítimas de elementos que estão “tocando o terror” principalmente nas paradas de ônibus pela parte da madrugada.

A equipe de reportagem do Portal Pebinha de Açúcar já tinha recebido várias denúncias, que diga-se de passagem foram comentadas com autoridades policiais da cidade que estão trabalhando em vários casos.


As respostas por parte das Polícias Civil e Militar começaram a aparecer. Somente nesta semana, pelo menos sete prisões de pessoas supostamente envolvidas nos casos de assaltos pela madrugada em paradas de ônibus por vários bairros de Parauapebas foram efetuadas.

Nesta quarta-feira (21), em operação realizada pela Polícia Civil de Parauapebas, através dos Delegados André Tavares de Amorim, Paulo Junqueira e Investigador Humberto, foram apreendidos quatro menores de idade que estão sendo acusados por praticarem vários crimes em Parauapebas, inclusive durante a madrugada contra trabalhadores que trocam turno em áreas minerais.

De acordo com informações cedidas à imprensa pela Polícia Civil, só durante esta quarta-feira (21), os menores infratores que foram apreendidos teriam feito pelo menos cinco assaltos em Parauapebas, inclusive em uma panificadora.
Com eles, a Polícia encontrou um revólver calibre 38 que teria sido comprado pelo valor de R$ 200,00 e vários aparelhos celulares e outros pertences de várias vítimas.

Thiago Carneiro, Delegado e Diretor da 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas, parabenizou sua equipe pelo trabalho desenvolvido e afirmou que a Polícia está trabalhando junto com o Ministério Público para que os menores infratores sejam internados em centro de recuperação em Marabá, tendo em vista que alguns deles já tiveram várias passagens pela Polícia.

Reportagem: Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar
Foto: Divulgação / Polícia Civil

Publicidade

Veja
Também