Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

População da Vila Três Voltas recebe ação social

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Cestas básicas, brinquedos, roupas, eletrodomésticos, designer de sobrancelhas, corte de cabelo e atividades esportivas deram tom ao dia de festa e beneficência realizado pelo Projeto Social Vida por Vidas, na Vila Três Voltas, zona rural de Parauapebas, no último final de semana.

Cuidados com a saúde também estiveram em evidência nas palestras sobre saúde bucal, distribuição de kits de higiene bucal, além de consultas oftalmológicas.


De acordo com os organizadores da ação, a localidade foi escolhida para receber a campanha de saúde bucal e oftalmológica pela dificuldade do acesso aos serviços, já que fica há pelo menos 30 quilômetros do perímetro urbano do município.

“A comunidade nos recebeu com alegria e muitas pessoas fizeram questão de acessar os serviços, principalmente de saúde”, explicou José Caetano, o popular Caetano do Tropical, dando conta que a entidade foi criada por amigos, tendo como objetivo fazer ações isoladas para pessoas mais próximas que passavam por dificuldades financeiras que impossibilitasse o acesso a alimentação, roupas, remédios, moradia ou outras necessidades básicas.

Segundo ainda Caetano do Tropical, eram os próprios amigos do grupo quem faziam as doações e compunham as cestas básicas ou faziam “contribuição” para comprar o que seria doado a quem necessitava. Com o passar do tempo, foi aumentando a demanda e se fez necessário que se organizassem em entidade para que pudessem buscar parceiros e assim conseguir atender a tantos pedidos que surgem todos os dias.

“Com o tempo, as pessoas vão descobrindo que a gente auxilia a quem precisa e vêm nos procurar. Assim, ficou difícil fazer o trabalho sem parceiros. Agora, o trabalho tem vários momentos, sendo um deles o planejamento de ações, a busca de apoiadores, a montagem da estrutura e a realização da ação”, explica Caetano, detalhando que, além de objetos e remédios, é necessária a parceria de profissionais específicos para fazer os atendimentos, deixando o apelo para pessoas que queiram se tornar voluntárias, oferecendo seus serviços e ainda a outros que queiram fazer doações de qualquer natureza, tanto em dinheiro como também em objetos (cadeiras de rodas, eletrodomésticos, móveis, brinquedos etc), remédios, roupas etc.

Segundo a direção do Instituto Vida por Vidas, além dos pedidos que chegam junto a entidade, há equipe que faz levantamento de pessoas vivendo em condições de vulnerabilidade social e assim, tão logo há condições, a ajuda chega a quem precisa.

Para participar do Instituto Vida Por Vidas, seja como profissional voluntário ou como doador, o interessado pode manter contato pelos fones (94) 9203-8556 ou (94) 9116-8400, ambos os números podem ser acionados através do aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp.

Publicidade

Veja
Também