População denuncia falta de médicos e Secretaria de Saúde se manifesta

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Vários populares usaram as redes sociais para denunciar a falta de médicos no Pronto Socorro Municipal de Parauapebas (PSM), inclusive, algumas pessoas entraram em contato com a equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar, que imediatamente entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), para que o órgão desse explicações sobre as denúncias.

Através de sua Assessoria de Comunicação (Ascom), a Semsa se manifestou sobre a denúncia da falta de médicos, confira abaixo a nota na íntegra:


“A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), esclarece que o atendimento no Pronto Socorro Municipal (PSM) não foi suspenso.
De fato, o número de médicos atendendo durante o período diurno no PSM está menor que durante a noite em função da não renovação de contrato de alguns profissionais, mas a situação já está sendo resolvida com novas contratações em andamento.
Além do PSM, o município também conta com atendimento de urgência e emergência na UPA.
Importante reforçar também que o quadro de médicos do Hospital Geral de Parauapebas (HGP) não sofreu alteração”.

Publicidade

veja também