Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Por não estar com celular, mulher é morta a pauladas em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Na última sexta-feira (15), o Secretário Estadual de Segurança Pública do Estado do Pará, senhor Jeannot Jansen, esteve visitando o município de Parauapebas, se reuniu com autoridades, empresários e fez várias promessas de melhorias no quesito segurança, porém, infelizmente pelo pouco contingente de policiais e políticas públicas voltadas para a área, toda semana pessoas estão perdendo vidas por causa da criminalidade na cidade e região.

Esta semana começou com uma notícia triste. As informações ainda são poucas, mas de acordo como apurou a equipe de reportagem do Portal Pebinha de Açúcar, mais uma mulher foi morta de forma trágica em Parauapebas. Trata-se de Irene Xavier da Cruz de 40 anos de idade.


A vítima que era evangélica teria saído de ume vigília por volta das 5h00 e foi abordada por um elemento que pediu o seu aparelho celular, porém, como Irene não estava com o aparelho, acabou sendo morta violentamente a pauladas.
A segunda versão, é que a evangélica teria ido deixar sua filha na parada e ônibus e na volta foi seguida por um homem que estava em uma motocicleta, pediu o celular e como ela estava sem o aparelho, ele matou a mulher com uma paulada.

Em declarações prestadas à imprensa, o Delegado Thiago Carneiro, titular da Superintendência de Polícia Civil de Parauapebas, afirmou que ainda é cedo para comentar sobre o crime brutal, “mas iremos focar as investigações para dar a resposta que a população precisa”, relatou Thiago.

Pouca segurança

O número de policiais disponíveis para atender Parauapebas é tão pequeno, que por dia, apenas 35 trabalham em regime de plantão. Considerando que a cidade conta com aproximadamente 300 mil habitantes, podemos afirmar que por dia, cerca de 800 pessoas contam com apenas um policial.

Reportagem: Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar
Foto: Divulgação / WhatsApp

Publicidade

Veja
Também