Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Preço do gás de cozinha ficará mais caro a partir de amanhã (9) na “Capital do Minério”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Em Parauapebas o produto ficará entre R$ 95 e R$ 100 o botijão de 13 kg

O anúncio foi feito pela Petrobras informando que vai reajustar em 5% o preço médio do gás liquefeito de petróleo (GLP) vendido pela companhia às distribuidoras a partir de quinta-feira (4). Com isso, o preço médio da Petrobras é equivalente a R$ 24,08 por botijão de 13 quilos (kg). No acumulado do ano, a redução é de 13,4%, ou R$ 3,72 por botijão de gás de cozinha de 13 kg.


Em Parauapebas, o gás de cozinha, como é chamado, ainda pode ser adquirido a partir de R$ 85, com entrega em domicílio. Porém, os depósitos distribuidores de gás adotarão o novo preço a partir de amanhã, terça-feira (9), quando o botijão de 13 quilos/líquido deverá variar entre R$ 95 e R$ 100, dependendo do custo da distribuidora.

A Petrobras esclarece que igualou desde novembro de 2019, os preços do gás liquefeito de petróleo para os segmentos residencial e industrial/comercial e que o GLP é vendido pela Petrobras a granel. As distribuidoras são as responsáveis pelo envase em diferentes tipos de botijão e, junto com as revendas, são responsáveis pelos preços ao consumidor final.

Publicidade

Veja
Também