Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Prefeito e representantes comunitários discutem pautas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A busca incessante e a necessidade por obras e serviços públicos para as comunidades dos bairros Jardim Ipiranga, Tropical I e Tropical II têm sido um grande incentivo para mobilização social e o principal desafio dos moradores daquelas comunidades.

Desde janeiro deste ano, a Associação Central dos Moradores dos Bairros Jardim Ipiranga e Tropical I e II tem encaminhado vários expedientes ao Poder Executivo e Legislativo Municipal, apresentando as pautas prioritárias e solicitando a realização de audiências e providências no atendimento das reivindicações emergenciais em prol dos bairros Jardim Ipiranga, Tropical I, Tropical II e adjacências.
Exemplo claro foi o ocorrido nesta segunda-feira, 19, quando, atendendo à solicitação da entidade representativa dos moradores, o prefeito Darci Lermen realizou uma importante reunião com diversas lideranças comunitárias (professores, mototaxistas, trabalhadores autônomos, dentre outros) representando a Associação Central dos Moradores (A.C.M.B.JIT) onde foram discutidos os anseios da comunidade.


Após intensa discussão da pauta, que contêm 23 pontos de reivindicações prioritárias, os representantes comunitários destacaram os seguintes:

Construção das escolas municipais (Educação Infantil e Ensino Fundamental), da Creche Infantil, da Unidade Básica de Saúde, do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), da Feira Comunitária, dos Pontos de Parada de Ônibus Coletivo, do Ponto de Mototaxi, da Praça Recreativa e Esportiva; das Vias públicas de acesso e integração dos bairros; da padronização de calçadas e a recuperação asfáltica de todas as avenidas, travessas e ruas.

Também foi enfatizado sobre a conclusão da obra de pavimentação, esgotamento sanitário e drenagem de águas fluviais em atendimento dos bairros Jardim Ipiranga, Tropical I e Tropical II e do Sistema de Captação e Tratamento de Água (regular fornecimento de água potável).

Um outro assunto tratado, foi sobre as cobranças retroativas de contas de água, sem a devida regularização do serviço ou diálogo com a comunidade, sendo encaminhado uma outra reunião com o SAAEP para negociação e atendimento das reivindicações dos moradores.

O prefeito Darci Lermen reafirmou o compromisso de incluir no Plano de Governo as reivindicações dos moradores dos bairros Jardim Ipiranga, Tropical I, Tropical II e adjacências, inclusive quanto garantia de moradia digna para as famílias de ocupações existentes naquelas comunidades (ocupação do Linhão, do Ipiranga e outras) outras obras e serviços públicos a serem discutidas com as lideranças e comunidade em geral. “Enquanto moradores e representantes comunitários, reiteramos que o atendimento da pauta reivindicada significa relevantes melhorias nos serviços públicos de saúde, educação, saneamento básico, fornecimento de água potável, assim como a garantia de acesso a estruturas públicas essenciais e a outras obras e serviços públicos a serem discutidas com as lideranças e comunidade em geral” enfatizou Girlan Pereira da Silva, Presidente da A.C.M.B.JIT, reforçando sobre a importância da união conjunta em prol de alternativas positivas visando a geração de trabalho, emprego e renda, reiterando ainda que a pauta de reivindicação comunitária fora construída por diversas lideranças comunitárias a partir da necessidade real e urgente dos moradores, motivo pelo qual todos devem ficar em estado de alerta para grandes mobilizações e manifestações populares se necessário se fizer, sendo que a comunidade deve prezar sempre pelo diálogo e colaboração com o Poder Público, pois esta primeira reunião foi apenas o início das negociações e todos devem propugnar e acompanhar o cumprimento dos compromissos assumidos pelo prefeito municipal que demonstrou grande interesse em atender os anseios comunitários.

 

ENCAMINHAMENTO

O prefeito Darci Lermen esclareceu que os representantes comunitários deverão fazer o acompanhamento de cada ponto junto a cada Secretaria Municipal, sendo que o seu Gabinete encaminhará expedientes ao secretariado para planejamento e atendimento das reivindicações comunitárias. O acompanhamento das demandas caberá a Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão e a Associação Central de Moradores, sendo que os líderes comunitários já poderão reunir-se com a Secretaria de Educação, Urbanismo, Obras, Assistência Social, Cultura e SAAEP para celeridade do pleito e reivindicações apresentadas.

A respeito de Projeto Habitacional Popular para aquelas comunidades, o prefeito afirmou compromisso com a concessão de kits material para construção para famílias de baixa renda oriundas de projetos habitacionais como Jardim Tropical e Ipiranga, desde que respeitado os critérios e após incluso na Lei Orçamentária Anual.

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também