Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Prefeitos do Sul e Sudeste do Pará participaram do lançamento oficial do Programa Internet Para Todos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

​Prefeitos de todo o país, entre eles 29 prefeitos dos municípios da região de integração da AmatCarajás estiveram presentes na cerimônia de lançamento oficial do Programa Internet para Todos e cerimônia de sanção do Auxílio Financeiro aos Municípios (AFM), que ocorreu ontem em Brasília.

Na ocasião os gestores municipais assinaram o termo de adesão ao programa, que irá levar o acesso à banda larga para localidades sem conexão. O presidente Michel Temer esteve presente e atendeu uma demanda fruto de mobilização do movimento municipalista, que foi a liberação de R$2 bilhões por meio do AFM, cuja distribuição seguirá os critérios do FPM.


A previsão é que todos os 38 municípios que ligam o sul e sudeste do Pará assinem o termo de adesão até o final do mês de março, as prefeituras devem indicar onde serão instaladas as antenas para distribuição do sinal de internet, além de garantir a segurança da área e arcar com as despesas de energia elétrica. Cerca de 200 localidades devem ser contempladas. As cidades beneficiadas nesta primeira fase começarão a receber as antenas em maio. A operação será feita pela empresa Viasat, contratada pela Telebras.

O presidente da AMATCarajás, Pedro Paraná, prefeito de São Domingos do Araguaia ressaltou que a chegada da internet nos municípios, representa um avanço importante para as cidades, vai melhorar a gestão pública e a qualidade dos serviços prestados à população. “Foi pensando nisso que a AMATCarajás tem trabalhado para auxiliar os 38 municípios da região na assinatura do Termo de Adesão, para atingir 100% de prefeituras beneficiadas com esse programa”, concluiu.

De acordo com o Ministro Gilberto Kassab, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, “diante da mobilização extrema dos prefeitos, a expectativa é de entregar o primeiro lote de adesão amanhã para a empresa que vai operar o satélite. Milhares de antenas já estão prontas para colocar nas cidades”.

O segundo lote será fechado em três semanas. A importância do programa para a União e os Municípios ficou clara pela presença de autoridades do Executivo e do Legislativo, centenas de prefeitos, além do presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski.

Publicidade

Veja
Também