Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Presidente do TRE assina convênio em Canaã para recadastramento biométrico dos eleitores

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Desembargador esteve acompanhado da assessora Institucional Clara Nery e do coordenador de Edificações e Infraestrutura Valneci Soares Júnior.

Canaã e Parauapebas serão os dois primeiros municípios do Sul do Pará a contar com a tecnologia. A expectativa é de que o recadastramento comece no mês de agosto, com previsão de término em nove meses. Cabe a prefeitura de Canaã disponibilizar um espaço para receber os eleitores, além de ceder servidores que vão auxiliar no atendimento. No período também serão emitidos novos títulos de eleitor e realizadas transferências de domicílio eleitoral.


O recadastramento biométrico é obrigatório para todos os eleitores e garante mais segurança na identificação do votante, que é feita por meio de impressão digital, evitando que uma pessoa possa votar no lugar de outra. No Pará, o recadastramento já foi feito nas cidades de Ananindeua, Curuçá, Terra Alta, Paragominas, Barcarena, Capitão Poço, Castanhal, Peixe-Boi e Cametá.

A previsão do TRE é que até 2020 as eleições em todo o país ocorram em urnas biométricas. O recadastramento deve ser feito até 2017.

Publicidade

Veja
Também