Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Primeira assembleia popular sobre mineração é realizada na região

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Movimento Pela Soberania Popular na Mineração (MAM), realizou a sua primeira das 100 assembleias de base objetivando o debate e reflexão sobre a mineração e seus impactos.

Conduziram a Assembleia Popular do MAM, ocorrida na terça-feira, 13, as 19:00 horas, no Acampamento Frey Henri (MST), seus dirigentes Marcos Santos, Thamanda, Lailson, Cesar e Milena e Júlio. Da mesa de análise de conjuntura participaram os convidados: Neguinho do MST e o Acadêmico de Direito Girlan Pereira, que também é presidente da ACMBJIT (Associação Central de Moradores dos Bairros Jardim Ipiranga e Tropical 1 e 2 – Parauapebas/PA).


A participação foi abera a todos nos debates e reforçou a importância de alternativas econômicas sustentáveis. Um dos principais encaminhamentos foi a realização de atividades comunitárias voluntárias por parte dos jovens envolvidos, sendo proposto a reforma do campo de futebol, a construção do Barracão da Juventude e outras atividades sociais de relevância para a Comunidade Frey Henri, ás margens da rodovia PA-275, no município de Curionópolis.

Na opinião do dirigente do MAM, Marcos Antônio Santos, o movimento e a sociedade civil tem diversas críticas ao atual modelo minerário implantado há 300. “Precisamos defender e discutir um novo modelo sustentável, zelar pela nossa soberania e controle de nossas riquezas minerais”, afirmou Marcos Antônio, dizendo ser, este, o momento de união para discussão das alternativas positivas para combater os problemas e os impactos da mineração.

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também