Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Produtor aposta na produção de ração natural para manter estoque durante estiagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A alimentação é sem dúvida um dos tripés que garante lucros para quem cria gado, quer seja leiteiro ou de engorda. Algo possível de se encontrar nas pastagens naturais no período chuvoso, porém, quando inicia a estiagem é preciso reforço para manter a produção.

Foi baseado nisto que Leandro Albuquerque decidiu plantar milho para transformar em ração e garantir a manutenção de seu rebanho, mesmo em tempos de estiagem. Assim, plantou um alqueire de milho e conseguiu produzir 72 toneladas de alimento para o rebanho.


De acordo com Leandro, o milho deve ser colhido com cerca de 85 dias após plantado, quando já passa do “ponto de pamonha”. Mas não se trata de colher apenas a espiga, pois a colheita é de toda a planta, cujo trabalho é feito com trator com boa tomada de força, encilaredeira e carroção. Depois, é só fazer o processo de envelhecimento e alimentar o rebanho.

O milho, conforme contado pelo produtor, já é triturado no ato da colheita e recolhido no carroção, depois levado para a selagem, onde fica por pelo menos 60 dias, já podendo ser servido para o rebanho.

“O cheiro e o sabor atraem os animais, que comem até 25 quilos por dia, dependendo do objetivo da propriedade”, conta Leandro, acrescentando que tudo é retribuído no balde em maior qualidade e quantidade de leite.

Outro segredo que Leandro nos contou é que as condições do curral no período de estiagem são mais propícias para a produção de leite, pois, com o local seco, as vacas têm menos estresse e assim, com o reforço alimentar, elas estão propícias a render mais.

“O verão é uma ação da natureza, por isto inevitável. É preciso se preparar para alimentar o gado e produzir ainda mais”, garante Leandro, dando conta que não comercializa o produto, garantindo estoque apenas para seu rebanho.

Reportagem: Francesco Costa  |  Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também