Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Professores de Parauapebas e Canaã serão capacitados em esporte educacional

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O projeto do IEE na cidade conta com o patrocínio da Vale, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte/Governo Federal.

São esperados cerca de 60 professores de Canaã e de Parauapebas, além de 15 gestores, nos dois dias de evento. Os professores terão conteúdos como dança e ginástica no contexto do Esporte Educacional, já os gestores escolares serão apresentados aos Princípios do Esporte, além de serem convidados a refletirem sobre as questões da Escola Ativa.


“A presença dos professores de Parauapebas nas formações deste ano foi um acerto. São profissionais com diferentes experiências que puderam, já no primeiro encontro, contribuir significativamente. Nosso objetivo é que o compartilhamento de informações entre os professores dos dois municípios e os conteúdos apresentados pelo IEE ampliem o repertório dos docentes em suas aulas”, afirma Cibelle Borges, uma das profissionais do IEE responsáveis pela formação, junto a Natália Santos.

Ainda fazendo parte do projeto, na quinta-feira, será realizada, mais uma reunião para a elaboração da Matriz Curricular. “Daremos continuidade aos assuntos tratados no último encontro. Os coordenadores de Esporte de Educação Física da Secretaria de Educação irão trazer observações feitas sobre o material que encaminhamos para contribuir para o processo de revisão da Matriz”, completa Cibelle.

Formação Continua de Professores da Rede Pública – O projeto está no seu quarto ano e tem a missão de formar professores e gestores na metodologia do esporte educacional, com o objetivo de qualificar e ampliar o acesso de crianças e jovens ao esporte dentro e fora da escola. Em 2016, o projeto atua em 18 cidades de seis estados (São Paulo, Pernambuco, Paraná, Goiás, Minas Gerais e Pará) para capacitar 800 professores e gestores da rede pública para a implantação e qualificação de programas voltados para a prática da educação física e do esporte nas cidades. Cada município terá cinco etapas de capacitação, totalizando 80 horas de formação presencial e 20 horas de acompanhamento à distância.

Publicidade

Veja
Também