Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Programa AGIR Criativo é concluído no Pará e Maranhão

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O projeto AGIR Criativo foi concluído. A cerimonia de encerramento foi realizada na terça-feira, 22/11, na capital maranhense. Durante dois anos, a iniciativa da Fundação Vale promoveu a incubação de sete empreendimentos da Economia Criativa, em Parauapebas/PA e São Luís/MA. No município paraense, a cooperativa Mulheres de Barro foi um dos beneficiados, recebendo consultorias em gestão e aporte de capital semente.

 O programa foi iniciado em 2014, em Parauapebas/PA e São Luís/MA, de forma concomitante. Após a realização de um diagnóstico do perfil empreendedor e da capacitação com foco no desenvolvimento de empreendimentos criativos, a equipe do Instituto Gênesis da PUC-Rio iniciou o programa de incubação dos sete empreendimentos selecionados pela Fundação Vale.


Durante dois anos, os empreendimentos foram apoiados com consultorias em gestão e aporte financeiro de capital semente, com o objetivo de desenvolver a capacidade empreendedora dos profissionais envolvidos e fomentar o crescimento e maturidade dos negócios. Além de monitorar os indicadores de resultado e de processo de cada um dos empreendimentos, as vocações das regiões participantes foram levadas em consideração e o projeto impulsionou empreendimentos da Economia Criativa.

Em Parauapebas, a Cooperativa Mulheres de Barro, que é formada, em sua maioria, por artesãs ceramistas, foi um dos empreendimentos incubados pelo Agir Criativo. A cooperativa, que atualmente possui 37 associados, se divide na gestão e execução dos trabalhos de pesquisa, produção e venda das peças criadas com base em estudos arqueológicos em sítios na região, com o objetivo de resgatar a memória e a história do território.

Dona Neuza Kluck, uma das fundadoras da cooperativa, compartilhou com todos o sentimento de realização. “Eu quero agradecer a todas as entidades que caminharam com a gente na nossa história até chegar aqui. Em nome de todas as mulheres, de todas as pessoas que são parceiras das mulheres de barro, muito obrigada. E nós precisamos de mais incentivos para alcançar esses jovens que estão aí, pois amanhã eles serão os ceramistas”.

Os outros projetos de Parauapebas incubados pelo Agir Criativo são Caldeirão da Cleide (um buffet de comidas típicas paraenses) e a CasaLab (escritório de design e produtora de conteúdo audiovisual). Os empreendimentos apoiados no Maranhão são: “Laboratório de Expressões Artísticas – Laborarte”; “Batuko Experience”; “Cadê Beltrano?” e “Éguas! Paper Toy”.

 Programa AGIR

O Projeto AGIR Criativo é uma ação do Programa de Apoio à Geração e Incremento de Renda desenvolvido pela Fundação Vale e Incubadoras Sociais. O programa está presente em vários municípios brasileiros, apoiando e fortalecendo empreendimentos inovadores, gerados e desenvolvidos por moradores dos territórios de atuação da Vale.

 Números

760 empreendedores beneficiados nos projetos de Geração de Renda

70 negócios sociais incubados e acelerados

440 famílias de agricultores familiares

Publicidade

Veja
Também