Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Projeto busca melhorar rendimento de alunos da rede pública

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Na tarde da última terça-feira (29), foi lançado em duas escolas públicas (Chico Mendes e Paulo Fonteles) o projeto “Tutoria do Ensino Médio e Qualificação Profissional: Possibilitando Novas Perspectivas aos Educandos”. Participaram do evento educadores, alunos, pais de alunos e representantes do Ministério Público e das redes estadual e municipal de ensino.

O projeto, que visa melhorar o rendimento e o aprendizado dos estudantes, contribuindo para sua formação intelectual, cidadã e de futuro profissional, estimulando o protagonismo juvenil e a participação ativa nos conselhos escolares, foi idealizado pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), Ministério Público do Trabalho (MPT-PA), em parceria com a mineradora Vale, a Secretaria de Educação do Estado (Seduc) e a Prefeitura de Parauapebas.


Segundo Diana Braga, pedagoga e responsável pela coordenação do Projeto de Tutoria em Parauapebas, serão ofertadas 20 vagas para alunos com idade entre 14 e 22 anos que estejam concluindo o 1º ano do ensino médio, tenham bom rendimento escolar e renda familiar de até dois salários mínimos.

“Os alunos que forem aprovados na seleção serão preparados por meio de cursos ofertados pelo Senai, Vale e Ministério Público para desenvolverem atividades de reforço escolar para os alunos do ensino fundamental [6º ao 9º ano] que apresentem dificuldades no aprendizado das disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática”, informa Diana.

Oportunidade única

Para Ana Maria Santos, responsável pela rede estadual no município de Parauapebas, o projeto vem agregar valor. “Ele oferece a nossos alunos a oportunidade de ter o primeiro contato com o mercado de trabalho, além de contribuir para a formação intelectual deles”, enfatiza a diretora-sede.

Aluna do 1º ano do ensino médio, Amanda Nascimento Farias, 15 anos, participou do lançamento do projeto e garante que esta é uma ótima oportunidade de obter novos conhecimentos. “Com certeza, vou fazer a minha inscrição e me esforçar para ser aprovada, pois vi aqui uma oportunidade de ter minha primeira experiência profissional, participar de cursos e ainda contribuir com a formação de outros alunos”, afirma.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação, a previsão é de que cerca de 200 alunos do 6º ao 9º ano sejam beneficiados com o reforço escolar. “A Tutoria vai contribuir com a aprendizagem de nossos alunos no sentido tanto do currículo nas áreas de Língua Portuguesa e Matemática quanto no favorecimento da interação entre os pares com faixa etária aproximada. Isso vai facilitar a troca de experiências e conhecimento”, ressalta a diretora técnica pedagógica da Semed, Maria Arnete Oliveira.

Publicidade

Veja
Também