Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Projeto Rota do FNO chega a Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Quem participou da solenidade da apresentação do Projeto Rota do FNO pôde conhecer as soluções de crédito que oferecidas pelo BASA (Banco da Amazônia S. A.) para desenvolver os empreendimentos da região.

A Rota do FNO é uma ação promovida pela área comercial do Banco da Amazônia e que objetiva dinamizar a aplicação do FNO através da divulgação das linhas de crédito de forma próxima aos empreendedores de todos os portes e segmentos da cadeia produtiva.


Assim, foi traçado um percurso e cronograma de realização dos eventos que estão ocorrendo em 25 municípios polos de toda a Região Norte, abrangendo os Estados do Pará, Amapá, Rondônia, Tocantins, Amazonas, Roraima e Acre.

Na última sexta-feira (26), foi vez de Parauapebas receber a alta direção do Basa, tendo como anfitrião o Diretor Comercial do Banco da Amazônia, Luiz Sampaio. Na oportunidade foram apresentadas as linhas de financiamentos disponíveis para fomentar os negócios do empreendedor individual, agricultor familiar, produtor rural, micro e pequena empresa, bem como, a média e grande empresa, e com destaque para as contratações destinadas a: custeio agrícola e pecuário, capital de giro e aquisição de máquinas e equipamentos, utilizando a metodologia de crédito pré-aprovado.

O diretor do Basa, Luiz Sampaio, falou do momento econômico em que o país vive e frisou que é o melhor momento para adquirir linhas especiais com juros baixos e carências que variam de seis meses a oito anos, dependendo da linha credito. Enfatizando ainda que o banco tem procurado desburocratizar os processos fazendo com que haja mais agilidade nesta parceria banco/cliente.

SOBRE O PROJETO

Para atender toda demanda existente, o Banco da Amazônia dispõe de R$4,6 bilhões de recursos do FNO para o ano de 2017 e quem participa da Rota do FNO conhece o diferencial do Banco da Amazônia que são suas linhas de crédito, tanto comercial e de fomento. Tem, ainda, a oportunidade de conhecer também sobre às condições de acesso ao FNO, linhas de crédito com prazos, limites e encargos financeiros diferenciados. Além disso, conhece sobre os benefícios da Lei 13.340 que informa sobre soluções para liquidar ou renegociar suas dívidas, com descontos de até 85%.

Em Parauapebas, foi apresentada linhas de créditos, produtos e serviços que podem dinamizar e desenvolver a economia do sul e sudeste do Pará; em solenidade ocorrida no Auditório Central da Prefeitura Municipal de Parauapebas.

PARTICIPAÇÃO

Um dos participantes foi Sérgio Neto, o “Sergel”, qualificando o evento como “muito boa a explanação. É animadora inclusive a proposta do banco em investir R$ 1.8 bilhões no Pará e R$ 7.6 bilhões na Amazônia com juros acessíveis, visando assim fomentar a agricultura familiar, pequenos e microempresários, associações e cooperativas nas aquisições de maquinas, equipamentos e capital de giro”, disse, animadamente, Sergel.

O prefeito de Parauapebas, Darci Lermen, também esteve presente no evento e falou da excelente iniciativa do banco que vem para contribuir com a economia local, gerando emprego e renda para região de Carajás. Darci fez um relato dos projetos já em andamento no Município que trará em breve grandes oportunidades de emprego e renda para cidade e região.

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também