Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Requerimento que pede desobstrução das ruas 14, 15 e C no Cidade Nova gera polêmica na Câmara

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Através do Requerimento de número 91/2015, de autoria de “todos os vereadores” da Câmara Municipal de Parauapebas e aprovado na Sessão Ordinária desta terça-feira (1), a maioria dos parlamentares pediu que a Prefeitura Municipal de Parauapebas desobstrua as ruas 14,15 e C no Bairro Cidade Nova.

A Prefeitura Municipal de Parauapebas por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo (SEMURB) e Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT), interditaram as vias com o objetivo de realizar uma operação nas proximidades da antiga Feira do Produtor, que tem como objetivo retirar os ambulantes que ainda trabalham na localidade.


O documento apresentado e aprovado pela maioria dos vereadores pede, que a Prefeitura faça a retirada imediata das divisórias new jersey – estrutura de concreto que estão obstruindo o trânsito de veículos nas ruas citadas à cima, no perímetro entre as ruas E e A.

Requerimento gera polêmica

Até a leitura do documento pelo vereador Charles Borges (SD), tudo estava sob controle, porém, quando o projeto entrou em discussão, vários vereadores “bateram boca” com o vereador, tendo em vista que apesar de que o documento tenha entrado em pauta como se fosse assinado por todos os vereadores, apenas algumas assinaturas foram colhidas durante a Sessão e mais de cinco vereadores afirmaram não ter ciência do documento.

Bruno Soares (PP), Líder do Governo Valmir Mariano na Câmara de Parauapebas, disse que o requerimento nem poderia ter entrado em pauta, tendo em vista que não tinha a assinatura de todos os vereadores.

Por sua vez, o Presidente da Câmara Municipal de Parauapebas Ivanaldo Braz (SD), afirmou que esteve reunido com feirantes e autoridades como o Juiz Líbio Moura e ficou acordado um prazo para que tudo fosse resolvido. “Não sou contra os feirantes, porém fizemos um acordo e precisamos ir até o fim para que as coisas se resolvam”, disse.

Já o vereador Israel Pereira Barros (Miquinha) (PT), foi favorável ao requerimento apresentado por Charles Borges e pediu que a Prefeitura de Parauapebas tomasse providência urgentemente para que a solução dos feirantes fosse resolvida.

Ao final, após muito bate-boca, o requerimento acabou sendo aprovado. Veja quem votou a favor e contra:

Votos favoráveis:

Eliene Soares (PT)
Miquinha (PT)
Euzébio (PT)
Barrão (PSDC)
Lidemir (PR)
Joelma Leite (PT)

Votos contrários:

Marcelo Parceirinho (PMDB)
Zacarias Assunção (PP)
Bruno Soares (PP)
Maridé Gomes (PSC)
Pavão (SD)

Reportagem: Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também