Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

SAAE é acusado de usar energia furtada e diretor do órgão é preso em Canaã dos Carajás

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Na tarde da última segunda-feira (20), foi preso e autuado em flagrante por furto de energia Glaidston de Paiva Campos, atual Diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Canaã dos Carajás (SAAE).

Segundo a Polícia Civil, em cumprimento de ordem de serviço emanada da Superintendência de Polícia Civil de Marabá, uma equipe de policiais civis acompanhou os funcionários da concessionária de energia Rede Celpa para fazer uma abordagem em algumas estações de água da cidade subordinada ao SAAE, onde já havia sido detectado o furto de energia elétrica.


Segundo informações do responsável da Rede Celpa que acompanhou o procedimento policial, o furto de energia foi detectado desde o ano de 2015, sendo que primeiramente, a diretoria da autarquia municipal foi procurada para as devidas providências serem tomadas, porém, nada teria sido feito. E, na data de ontem, juntamente com um perito do Instituto de Perícias Criminais Renato Chaves, de Marabá, compareceram ao local indicado do furto de energia para os procedimentos policiais.

Diante do flagrante do furto de energia, o diretor do SAAE, Glaidston Campos foi conduzido até a Delegacia de Polícia de Canaã dos Carajás, onde foi autuado em flagrante pelo Delegado de Polícia Fabricio Oliveira.

Segundo o Delegado de Polícia Civil Fabricio, por se tratar de crime de menor potencial ofensivo onde cabe fiança, foi arbitrado uma fiança de 10 salários mínimos, e assim que for recolhida a referida importância aos cofres públicos o autuado será colocado em liberdade e irá responder o processo perante a Justiça de Canaã dos Carajás.

CRIME

CPB – Art. 155 – Subtrair, para si ou para outrem, coisa alheia móvel.

Pena: Reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro) anos, e multa.

§ 3º. – Equipara-se a coisa móvel a energia elétrica ou qualquer outra que tenha valor econômico.

O que causa mais espanto nos moradores de Canaã dos Carajás, é que segundo dados inseridos pela própria administração municipal no Portal da Transparência, verifica-se que de janeiro de 2016 até ontem (20), o SAAE apresenta um total de empenho realizado na ordem de R$ 3.977.674,61 (três milhões, novecentos e setenta e sete mil, seiscentos e setenta e quatro reais e sessenta e um centavos).

Reportagem: Pedro Reis / Terra Canaã

Publicidade

Veja
Também