Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Secretaria de Habitação investiga venda de apartamento no Alto Bonito pela internet

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um anúncio feito em um grupo de compras pela internet chamou a atenção da equipe da Secretaria de Habitação de Parauapebas (Sehab). Nele, a suposta moradora pedia o valor de R$ 25 mil reais pela venda de um apartamento no Residencial Alto Bonito.

A Sehab é responsável pelos atendimentos às famílias que residem no Residencial Alto Bonito. De acordo com o contrato assinado entre as famílias contempladas e Caixa Econômica Federal, é proibido alugar ou vender o imóvel por um período de 10 anos.


A equipe do Portal Pebinha de Açúcar conversou com Sairo Guimarães, advogado do departamento jurídico da Secretária de Habitação, que  na oportunidade esclareceu alguns pontos sobre o assunto.

Como é feito o contrato com as famílias contempladas no residencial alto bonito?

“O  contrato é assinado direto com a Caixa. O Alto Bonito é oriundo do Programa Minha Casa Minha Vida, por ser um programa do Governo Federal, toda e qualquer informação é passada pela Caixa Econômica Federal, ela que cuida de todos os contratos. A Secretária de Habitação só acompanha. As pessoas que estão vendendo, alugando e hipotecando vão sofrer as sansões que estão previstas no contrato firmado com a Caixa”.

Denúncias de aluguel e venda de apartamentos chegam com frequência na Secretaria de Habitação?

“ Recebemos muitos prints. Hoje as redes sociais têm propiciado esse acesso com maior facilidade, mas tudo que chega para a gente, a equipe da Sehab  apura e verifica. Tem muita coisa falsa afim de prejudicar os moradores, mas a gente verifica que também tem muita suspeita de irregularidades. Qualquer coisa que chega ao nosso conhecimento a gente vai apura para saber a veracidade”.

Qual a punição?

“Se a gente atestar que está tendo alguma irregularidade, o município irá notificar as famílias, após as notificações, informamos a Caixa que entrará com um processo de reintegração de posse, além dos acusados responder por outros crimes”.

Em relação à moradora que colocou o anúncio no determinado grupo de compras no Facebook, já foi identificada e o caso está sendo apurado pela Secretária de Habitação. As medidas cabíveis serão adotadas.

 

O residencial Alto Bonito é um projeto do Governo Federal, financiado com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), em parceria com a Prefeitura de Parauapebas para intervenção em favelas, conjugado com o Programa Minha Casa Minha Vida. Conta com a construção de 2.400 unidades habitacionais em duas fases, para atender famílias de menor renda.

O projeto habitacional é o único verticalizado do sul e sudeste paraense.  As obras tiveram inicio em 2009.  O projeto de urbanização de assentamento precário teve investimentos de mais de R$ 234 milhões, dos quais a Prefeitura investiu mais de R$ 84 milhões.

A primeira fase foi entrega em no dia 16 de junho 2017 nesse primeiro momento 1.008 famílias foram beneficiadas. Já a segunda fase foi entregue no dia 5 de julho de 2018 onde na época 1.392 famílias foram contempladas.

Publicidade

Veja
Também