Sefa apreende mais de dois mil litros de bebida quente em Marabá

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Uma carreta baú, oriunda de Anápolis, Goiás, com destino a Santarém no Pará, foi apreendida ontem à tarde, 27/05, pela fiscalização de mercadorias em trânsito pelos servidores da Secretaria de Estado da Fazenda (Será), da unidade de Carajás, em Marabá, sudeste do Estado, por não fazer o recolhimento antecipado do imposto estadual de mais de dois mil litros da chamada “bebida quente”, isto é, não fermentada.

A carga era composta por 1.000 litros de cachaça; 100 litros de uísque; 1.100 litros de vodca; 50 litros de gin; 150 litros de catuaba e 150 litros de raiz amarga. “A fiscalização da unidade fazendária do km 9 recebeu a documentação fiscal da carga e percebeu que pela rota do veículo a mercadoria deveria ter passado em outra unidade fazendária. Então parece que a carreta entrou no Estado por algum desvio de estrada, tentando se livrar da fiscalização estadual, sem contar com a unidade no km 9 na Transamazônica. E ao verificar as notas fiscais constatamos a ausência do recolhimento antecipado do imposto das bebidas, obrigatório de acordo com a legislação estadual”, informou o coordenador da unidade Carajás, Gustavo Bozola.


O valor da mercadoria é de R$ 48,571 mil e foi lavrado um Termo de Apreensão e Depósito (TAD), no valor de R$ 26,137 mil, que foi pago e a mercadoria liberada.

veja também