Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Servidores públicos de Parauapebas rejeitam proposta de reajuste salarial

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Com o auditório da Prefeitura Municipal de Parauapebas lotado, na Assembléia Geral Extraordinária que foi organizada pelo Sindicato dos Servidores Públicos de Parauapebas (SINSEPPAR) e aconteceu nesta quarta-feira (12), por volta das 13h30, os servidores públicos rejeitaram a proposta de 8% do Governo Municipal.

A proposta foi colocada pelo prefeito Darci José Lermen na última mesa de negociação ocorrida no dia 11 de março com os sindicatos (SINSEPPAR, SINTEPP, SENPA e SINDMEPA). Na oportunidade, o governo apresentou o percentual de 8% no reajuste salarial, vale alimentação de R$ 500,00 (12,3%) e mais o estudo sobre os impactos na folha de pagamento do reajuste judicial em maio, para no segundo semestre iniciar o pagamento do mesmo.
A proposta foi votada e rejeitada pela maioria absoluta dos servidores presentes na assembléia.


A contraproposta dos servidores é chegar ao índice regional de 10,94% para o reajuste salarial, manter a proposta de R$ 500,00 (12,3%) no vale alimentação, mais o reconhecimento de forma administrativa para todas as categorias do reajuste salarial.

Esses encaminhamentos estarão sendo levados na próxima mesa de negociação agendada para o dia 24 de abril, sendo assinalada logo em seguida, uma nova assembléia com os servidores para as deliberações.

Publicidade

Veja
Também