Tráfico de entorpecentes é motivo da prisão de jovem em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Com apenas 20 anos de idade o maranhense de Açailândia, Bruno da Silva Brito, foi preso na manhã desta terça-feira (6). A ação policial foi dada em flagrante enquanto fazia patrulhamento no Bairro Primavera, exatamente na Rua 1; local em que, ao avistar a guarnição da Polícia Militar o jovem teve como atitude suspeita a evasão do local.

A fuga, feita em uma motocicleta Honda, modelo FAN 150 CC, de cor preta, de placa QDB 8903, de Rio Maria. Mas, a intenção de fuga foi frustrada, já que o fujão foi alcançado e abordado.


No entanto, Bruno resistiu a abordagem policial, mas, mesmo assim, foi contido e passado por buscas pessoais sendo encontrado em seu bolso expressivas quantidades de maconha e crack.

O flagrante foi motivo para que o suspeito fosse detido tendo ainda confessado que em sua residência, no Bairro Casas Populares II, havia uma quantidade de maconha. Auto delação confirmada pela polícia que fez buscas na residência com autorização da proprietária, avó de Bruno; momento em que admitiu que o neto estava dando problemas para a família, já tendo, inclusive, sido preso por várias vezes e não havia aprendido a lição.

Outra revelação feita pela avó do acusado é que há poucos dias o mesmo sofreu uma tentativa de homicídio, supostamente provocado por guerra de facção. Bruno foi preso e conduzido para a 20ª Seccional de Polícia Civil onde foi aberto inquérito por tráfico de entorpecentes. Com ele foram apresentados na DEPOL 33 gramas de maconha, 3,5 gramas de crack, uma motocicleta e um aparelho de telefone celular.

+1

Publicidade

veja também