Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Uepa reinicia atividades acadêmicas do Parfor

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Foto: Arquivo

A Universidade do Estado do Pará (Uepa), por meio do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), iniciou as atividades acadêmicas na última quarta-feira (3) para o primeiro módulo de 2019 em diversos pólos espalhados pelo Pará. As aulas seguem até o dia 2 de março. No total foram matriculados 196 novos alunos.

O Parfor é uma política nacional de formação de profissionais do magistério da Educação Básica, com a finalidade de organizar, em regime de colaboração entre a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios, a formação inicial e continuada dos profissionais do magistério para as redes públicas.


No Pará, a Uepa é uma das instituições integrantes do Parfor com a oferta de cursos de Licenciatura em Pedagogia; Letras – Língua Inglesa; Letras – Língua Portuguesa; Licenciatura Intercultural Indígena; História; Ciências da Religião, Educação Física; Ciências Naturais; Matemática; Geografia; e Filosofia.

“O Parfor, desde 2009, tem sido um programa de extrema importância para formação de professores da Educação Básica da rede pública, que necessitam de formação de qualidade, representando relevância social para a educação. A Uepa vem trabalhando fortemente para a continuidade e desenvolvimento desse programa”, explica o professor Sérgio Carvalho, que é coordenador do Parfor na Uepa.

O Plano tem como prioridade ofertar educação superior gratuita e adequada para professores em exercício, para que estes profissionais possam obter a formação exigida pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e contribuam para a melhoria da qualidade da Educação Básica no país.

Carolina Brabo Pimenta já ministra aulas há quatro anos e iniciou o primeiro módulo em Pedagogia no município de Muaná e diz que o sentimento é de gratidão. “O Parfor será um divisor de águas em minha vida. O programa permitirá estudarmos e termos nível superior, que irá refletir diretamente na qualidade de uma aula melhor para nossas crianças, para educação do nosso município. Sou grata pela oportunidade, estou muito animada”.

Publicidade

Veja
Também