Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Vale e Governo Federal firmam parceria para capacitação de mão de obra

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Até o final do ano serão beneficiados 750 profissionais – 650 no Pará e 100 em Minas Gerais – que se inscreverem no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec – Setor Produtivo).

Os candidatos serão selecionados até o fim deste ano para os cursos indicados pela Vale, de acordo com a demanda por mão de obra identificada pela empresa nos dois estados. Eles receberão uma bolsa do Governo Federal para fazer um curso de formação continuada em uma instituição de ensino, como por exemplo o Senai. Ao final da formação, os participantes estarão capacitados a trabalhar na Vale ou em outra empresa da cadeia produtiva da mineração.


“Com essa parceria, Vale e Governo Federal contribuem para a qualificação da mão de obra de nível técnico essencial para o setor produtivo”, afirma Regina Bronstein, gerente de Cooperação Acadêmica e Mobilização de Recursos da empresa. “A Vale considera o Pronatec um programa estratégico. Seus objetivos e resultados alcançados comprovam o seu sucesso. Hoje é o principal programa para a formação de profissionais em áreas de grande expansão da mineração, como a Região Norte”.

A Vale foi contemplada pelo Pronatec – Setor Produtivo porque a mineração é considerada estratégica para o país, de acordo com avaliação do MDIC. Esse programa de formação e qualificação profissional tem como objetivo solucionar os gargalos de recursos humanos em setores estratégicos da economia nacional. O mapeamento da demanda por qualificação profissional é realizada pelo MDIC, junto à área de recursos humanos das empresas, contando com a participação de associações representativas do setor produtivo e agentes locais.

Publicidade

Veja
Também