Single Posts
Confirmados
27.118
Single Posts
Recuperados
17.094
Single Posts
Óbitos
184

 Publicidade

Videomonitoramento começa a apresentar resultados positivos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Videomonitoramento começa a apresentar resultados positivos

Inaugurado no último dia 19 de junho, nas instalações do 23º Batalhão de Polícia Militar, o Sistema de Videomonitoramento de Parauapebas já começa a apresentar resultados positivos, com relação à diminuição do índice de violência na cidade.

O objetivo do sistema é colaborar com os serviços de segurança do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) e demais órgãos de segurança pública, como polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros, na identificação de veículos e pessoas envolvidas em acidente de trânsito e também nos casos de violência física contra o cidadão.


De acordo com Vicente Reis, coordenador do programa Cidade Digital, responsável pelo Sistema de Videomonitoramento e internet nas praças de Parauapebas, nesses poucos mais de 20 dias de funcionamento do videomonitoramento as câmeras do sistema espalhadas em pontos estratégicos da cidade já contribuíram para a identificação e prisão de uma pessoa que estava foragida da Justiça, prisão de traficantes de droga, recuperação de veículos roubados, redução do crime conhecido como “saidinha de banco”, entre outros tipos de crime.

Até o momento, já foram instaladas em vários pontos da cidade 31 câmeras de alta resolução, de um total de 95 câmeras. As últimas 64 serão instaladas até o final deste ano, numa estrutura de 35 quilômetros de fibra ótica. São câmeras dotadas de alta tecnologia, com zoom de grande alcance, operadas automaticamente e por meio de controle remoto, diretamente da central, em tempo real.

As câmeras coletam as imagens das vias públicas e as enviam simultaneamente para o Centro de Controle e Operações, no quartel da Polícia Militar, que é operado por 10 servidores da prefeitura, com funcionamento 24 horas por dia, em quatro turnos de seis horas cada.

Convém ressaltar que a equipe que opera a central é constituída por portadores de necessidades especiais (cadeirantes ou não) indicados por instituições e selecionados, treinados e contratados pela prefeitura.

Ao falar sobre o assunto, o prefeito Valmir Mariano destaca que o Sistema de Videomonitoramento de Parauapebas é a primeira de um conjunto de ações de sua administração para melhorar a segurança pública no município.

Segundo o prefeito, ele vai criar a Secretaria Municipal de Defesa do Cidadão para cuidar da proteção da vida da população, numa integração dos serviços das polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, DMTT e Defesa Civil.

Reportagem: Waldyr Silva / Foto: Irisvelton Silva

 

Publicidade

Veja
Também