Após sofrer sequestro relâmpago, homem é encontrado morto em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Polícia Civil de Parauapebas está investigando o assassinato de Kenede Anderson da Silva Campos. Ele foi morto na noite desta quinta-feira (30), após ser sequestrado em frente a sua residência localizada no Bairro Cidade Jardim. Segundo informações, a vítima havia acabado de estacionar, sendo que teria ido buscar a esposa para levar ao hospital, pois a mesma está grávida, Quando de repente, foi abordado por três homens armados.

Ainda de acordo com informações que estão sendo apuradas, os criminosos chegaram em um veículo branco e teriam estacionado a pelo menos 200 metros da casa da vítima. Dois dos criminosos desceram do carro e foram caminhando até a residência de Kenede.


Os assassinos obrigaram o jovem a entrar no banco de trás do veículo e saíram em alta velocidade. Minutos depois, o corpo da vítima foi encontrado em uma área de invasão do Bairro Tropical. O carro foi abandonado no próprio bairro e a polícia militar esteve na residência em busca de informações que pudessem levar a pistas que apontassem a motivação do crime.

Kenede Anderson da Silva Campos atualmente trabalhava como motorista de aplicativo, e de acordo com a família, não tinha envolvimento com o crime. O celular do rapaz foi repassado à Polícia Militar e no momento que os militares estavam de posse do mesmo, um homem teria ligado do Rio de Janeiro para o aparelho da vítima, o que levantaram suspeitas de que o crime pode ter sido motivado por acerto de contas.

Um inquérito policial já foi aberto para apurar as circunstâncias deste crime que está cercado de mistérios.

veja também