Single Posts
Confirmados
21.805
Single Posts
Recuperados

11.263
Single Posts
Óbitos
155

 Publicidade

Assaltantes que estavam sendo perseguidos quando personal trainer morreu são presos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Assaltantes que estavam sendo perseguidos quando personal trainer morreu são presos

O casal Wesley Oliveira Santana, 21 anos de idade, e Cleidiane Progénio da Silva, 22, foi preso pela Ronda Ostensiva com Apoio de Motos (Rocam) da Polícia Militar e conduzido à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, por volta das 20h30, de ontem, quinta-feira, (9), e entregue ao delegado plantonista Nelson Alves Júnior. Eles são acusados de terem cometido vários assaltos na cidade e foram flagrados com drogas e uma imitação de arma de fogo.

A dupla vinha sendo procurada e está sendo responsabilizada pelo acidente com a caminhonete do Grupo Tático Operacional (GTO), que provocou a morte da personal trainer Aldeane dos Santos Silva, 29 anos de idade, atropelada pelo veículo policial no cruzamento da Avenida W1 com a Rua N-1, no Bairro Cidade Jardim, na tarde de ontem, como foi noticiado aqui no Portal Pebinha de Açúcar.


O casal foi preso durante ronda no Bairro Vale do Sol, onde a guarnição se deparou com a dupla, em atitude suspeita, em uma moto Honda Pop, preta, placa QVE- 9D92, roubada, conduzida por Wesley, enquanto na garupa estava Cleidiane.

Assaltantes que estavam sendo perseguidos quando personal trainer morreu são presos

 

Ao avistar a guarnição, o piloto fugiu sendo perseguido pela Rocam, instantes depois se desequilibrou, indo ao chão. Na abordagem e revista pessoal, os policiais encontraram na cintura de Wesley uma imitação de pistola calibre 24/7 e, com Cleidiane, duas bolsas femininas, uma azul e outra amarela. Dentro de uma delas foram encontrados três aparelhos celulares, segundo os PMs, provavelmente oriundo de roubo.

Indagada pelos PMs se havia outros objetos, a mulher retirou da cintura um grama de cocaína, 3,5 gramas de crack e 9,7 gramas de maconha. Na casa do casal a polícia encontrou mais dois celulares roubados. Após receber voz de prisão, a dupla que já havia realizado quatro assaltos foi conduzida para a Delegacia de Polícia Civil.

Publicidade

Veja
Também