CANAÃ: Casa da Cultura lança oficina virtual e gratuita de grafismo indígena

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

No Dia do Índio é comum as crianças chegarem da escola com o rosto pintado e um cocar na cabeça. Essa é a representação do que é ser índio para a maioria das pessoas. O que poucos sabem é que as pinturas corporais e vestimentas usadas em ritos especiais são marcadores da diversidade cultural indígena e de seus valores e crenças.

Cada traço e cor tem um significado diferente para cada etnia. É sobre essa diversidade que a representante do povo Karaja, Kuanadiki Karaja, vai abordar na oficina virtual de grafismo que a Casa da Cultura de Canaã dos Carajás promove no período de 27 a 30 de abril.


Segundo a arte-educadora, a programação ajuda a fortalecer a identidade indígena. “O grafismo indígena não é apenas para ser vislumbrado, tatuado no corpo, desenhado em paredes das cidades pelas pessoas, como um desenho bonito. Por trás dele tem a história de luta e resistência de um povo indígena. Para as pessoas respeitarem nossos traços, elas precisam sabem qual o significado que eles têm para o nosso povo”, comenta Kuanadiki.

Para participar da contação on-line basta enviar mensagem ou ligar para um desses números: (94) 99160-8186 e (94) 99220-3451.

Agenda especial

A programação faz parte da agenda de celebração do Mês do Índio realizada pela instituição. A iniciativa tem o objetivo de valorizar os povos indígenas e a sua contribuição para a formação da cultura brasileira.

A temática está sendo abordada em vários formatos: oficinas, palestras e contação de história para o público infantil. Os eventos são gratuitos e on-line. Para conferir a agenda completa da Casa da Cultura, acesse casadaculturacanaa.com.br.

Serviço

O quê? Oficina de grafismo indígena.

Quem pode participar? Qualquer pessoa com acesso à internet.

Quando? De 27 a 30 de abril, sempre às 20h, pelo WhatsApp.

Como se inscrever? Enviando mensagem ou ligando para um desses números: (94) 99160-8186 e (94) 99220-3451.

Sobre a Casa da Cultura de Canaã
O espaço cultural foi criado e é mantido pela Vale e, agora, integra o Instituto Cultural Vale. A Casa da Cultura desempenha papel de guarda e registro do acervo histórico do município, e de difusor cultural na região. Nesse sentido, promove exposições, exibições de filmes, clubes de leitura, contações de história, espetáculos de música, dança, circo e teatro, além de manter uma escola de música e dança, onde crianças e jovens têm a oportunidade de participar, de forma gratuita, de aulas de ballet clássico, canto, violão, flauta doce, musicalização infantil e percussão tradicional paraense.

 Sobre o Instituto Cultural Vale
O Instituto Cultural Vale é um instrumento de transformação social com o propósito de democratizar o acesso e fomentar a arte, a cultura e o desenvolvimento das expressões artísticas regionais. Com o objetivo de gerar impacto positivo na vida das pessoas e construir um legado para futuras gerações através da produção cultural, tem, sob sua gestão uma rede de espaços culturais próprios com visitação gratuita, atuação junto a escolas e organizações sociais, com identidade e vocação únicas, como a Casa da Cultura de Canaã dos Carajás (PA) e ainda, o Memorial Minas Gerais Vale (MG), Museu Vale (ES) e Centro Cultural Vale Maranhão (MA). Fechados temporariamente desde março de 2020 em função da pandemia da Covid-19, estes espaços mantêm programação on-line gratuita em seus canais próprios, para conservar vivo o diálogo com seus públicos.

veja também