Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Candidato a prefeito de Jacundá registra boletim de ocorrência por ameaça

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O fato ocorreu após um comício realizado pelo candidato a prefeito

Em período de campanhas eleitorais, as reuniões, caminhadas e comícios movimentam municípios de todo país, e em Jacundá não é diferente. O problema é quando os ânimos começam a se exaltar ao ponto de virar caso de polícia.


Após receber ameaça depois de participar de um comício, Itonir Tavares que é candidato a prefeito de Jacundá foi à delegacia registrar um Boletim de Ocorrência (B.O).

O caso ocorreu na semana passada, na Rua Santa Rosa, Bairro Bela Vista. Segundo o candidato Itonir, ele estava andando no meio da multidão quando um homem que vestia uma camisa amarela e usava boné o puxou pelo braço e disse: “parem de fazer comício se não vou matar vocês”.

Ainda de acordo com o B.O, o homem também puxou o candidato a vice-prefeito, o senhor Chapolin, e também disse algo. Mas Chapolin não conseguiu compreender o que o homem havia dito devido ao barulho.

Diante do ocorrido, Itonir decidiu registrar o B.O para garantir a sua segurança, do candidato a vice-prefeito e de seus familiares.

A campanha do candidato a prefeito Itonir Tavares (PL) e vice-prefeito Chapolin (PROS) vem se destacando na disputa pelo executivo municipal.

Publicidade

Veja
Também